quinta-feira, 18 de setembro de 2014

TRANSPORTES NO PARANÁ

 Em 1943 foi instalado o primeiro Posto de Fiscalização de veículos do sul do país, em Barro Preto (hoje Tunas do Paraná) na Estrada da Ribeira (Curitiba–Adrianópolis).
 A rodovia com 123km era a principal via de ligação de Curitiba com São Paulo. A BR 2, depois BR 116, não estava implantada.
 A instalação foi à primeira unidade da Policia Rodoviária operacional em atividade no sul do país e operava com cinco policiais.
 Três anos depois o Estado teria sua própria policia das estradas.

MARIA FUMAÇA

RANSPORTES NO PARANÁ
Locomotiva que fez a viagem inaugural da linha turística Curitiba-Lapa em 02/02/1986.
 A Maria Fumaça chegou em Curitiba em cima de um caminhão e anteriormente operava em Tubarão (SC) na tração de vagões carregados com carvão.
 O mineral era transportada das minas da região de Criciúma até uma termoelétrica.
 A ferrovia catarinense Tereza Cristina foi a última do país a operar com máquinas a vapor.
 A iniciativa foi do presidente da extinta Rede Ferroviária Federal S.A. Osíris Stenghel Guimarães.
 Foto Helmut Wagner. Valeu,Gilberto Larsen. Queremos saber mais.

segunda-feira, 15 de setembro de 2014

Pasteurização - História


Louis Pasteur (1822-1895), descobriu em 1864 que o aquecimento de certos alimentos e bebidas acima de 60°C, por um determinando tempo (chamado de binômio tempo x temperatura),e depois abaixando bruscamente a temperatura do alimento evitando a sua deterioração, reduzindo de maneira sensível o número de microorganismos presentes na sua composição.
No final do século XIX,os alemães iniciaram a aplicação do procedimento da pasteurização para o leite in natura, comprovando que o processo era eficaz para a destruição das bactérias existentes neste produto.
Deste modo, deram origem não só a um importante método de conservação, como também a uma medida higiênica fundamental para preservar a saúde dos consumidores e conservar a qualidade dos produtos alimentícios.


Tipos de Pasteurização

Existem três tipos de pasteurização:
  • Pasteurização lenta, em que se aplicam temperaturas mais baixas durante maior tempo. A temperatura utilizada é da ordem de 65°C durante trinta minutos ou mais.
  • Pasteurização rápida, quando se aplicam temperaturas mais altas, da ordem dos 75˚C, durante alguns segundos. Este tipo de pasteurização é, por vezes, denominado HTST (High Temperature and Short Time), sigla em língua inglesa para "alta temperatura e curto tempo".
  • Pasteurização muito rápida, quando a temperatura vai de 130˚C a 150˚C, durante três a cinco segundos. Também conhecido como UHT (Ultra High Temperature) ou "temperatura ultra-elevada".

sábado, 13 de setembro de 2014

RECORDAR É VIVER!!!



Gente boa e competente -
Conheci, convivi e com elas aprendi muito.
Falei sobre a Rádio Guairacá, mas não citei todas as pessoas maravilhosas que encontrei lá, tais como o Euclides Cardoso, Humberto Lavale, Ney Costa, Sergio Luiz, Luiz Ernesto Pereira, Ana Cristina, Basilio Junior (Wassyl Stuparik) e muitos outros.
Perdoem, mas vou lembrando mais histórias e vou citando. Uma com Elon Garcia já contei dias atrás.
Tenho certeza que vou lembrar outras e contar. Ah! se vou...

Grandes Vozes (3) -

Estou escrevendo sobre grandes vozes de locutores, comentaristas, entrevistadores, daqueles que conheci na minha carreira.
Já questionaram sobre as grandes vozes femininas, as quais devo citar algumas, no próximo "Grandes Vozes". Quero deixar claro, que não estou me referindo a Grandes Talentos. Conheci e conheço muitos comunicadores que mesmo não tendo uma grande voz, são talentosos e competentes. Entendo por uma boa voz, aquela que é clara, bem dosada, bem colocada, forte e agradável de se ouvir, a qualquer distancia.


Grandes Vozes (4) - 

No rádio brasileiro sempre pontificaram vozes masculinas, ao contrário do Uruguai e da Argentina. As pesquisas da época indicavam que as mulheres brasileiras apreciavam mais vozes másculas, ou seja, os produtos anunciados por homens vendiam mais. Estou falando do rádio porque a TV ainda não existia por aqui.
No Uruguai e Argentina, usava-se muito duplas, um locutor e uma locutora. Quem se lembra, principalmente aqui no Sul, das Rádios Carve de Montevidéu, El Mundo e Corrientes de Buenos Aires, e tantas outras tocando seus tangos maravilhosos.
As mulheres brasileiras hoje preferem jornalismo e neste ponto já estão em pé de igualdade com os homens, senão na frente. 
Quanto às vozes, lembro de grandes vozes femininas: Irene Moraes, Ojalma Martins, Leonor de Souza, Iolanda Pereira, Ana Cristina, Léa Oksemberg, Laís Mann, e Sônia Nasser.
Aliás a Sônia foi a primeira mulher repórter esportiva, foi uma pioneira e marcou época no jornalismo desportivo do Paraná.
Atenção senhores passageiros...
Falei de algumas vozes femininas do rádio brasileiro, claro que mais as daqui do Sul, mas quem ouvia a Rádio Nacional do Rio de Janeiro ou a Bandeirantes de São Paulo, sabe que eram muitas as locutoras que se destacavam.

Tivemos uma que pontificou mais, foi Iris Lettieri. Quem não se lembra de:

- "Atenção senhores passageiros com destino a.....", nos aeroportos brasileiros.

P

FIQUE BEM INFORMADO.

Leia mais: Hoje é dia de que? Datas comemorativas • A arte da vida. Apon HP. Literatura para pensar e sentir http://www.aponarte.com.br/p/hoje-e-dia-de-que-e-amanha_09.html