sexta-feira, 17 de abril de 2009

Conversa ao Pé do Rádio - Pioneira da TV no Sul do Brasil

Hoje, com 77 anos de idade. Recolhido a vida privada. Dizendo sentir um pequeno arrependimento, por ter deixado as atividades empresariais. Dividindo seu tempo entre Curitiba e Litoral. Feliz pela obra realizada, que lançou tantas e tantas personalidades da política, cultura , administração e comunicação do Estado e do país. Nagib Chede Abrahão, filho de imigrantes libaneses, desde muito jovem revelou interesse pela eletrônica, tanto que aos 09 anos pedia a seu pai, o libanês Chede Abrahão, que lhe comprasse um bom aparelho receptor de rádio, e aos 18 já era radioamador. Mas foi com a televisão que Nagib veio a se destacar, e ser um magnata na época, possuindo uma só câmara de TV. Acontece que era o único que possuía uma câmara de TV na Região Sul do Brasil, daí ser um pioneiro não só do Paraná, mas de todo o sul do país. Foi no dia 29 de Outubro de 1959 que Nagib inaugurou a Rádio Emissora Paranaense, Canal 12, e coube a mim entrevistá-lo, exatamente no dia que era comemorado o vigésimo oitavo aniversário da organização. Durante as horas em que conversamos, não recebeu um único telefonema, e sobre a mesa não havia nenhum telegrama de congratulações. Sei que a TV lhe prestou homenagem, contando parte de sua história, que é a história da TV sulista brasileira. Tudo começou durante um vôo Miami-Nova York, quando acompanhado de João Lydio Bettega, fez amizade com um engenheiro da Rede NBC, que o convidou a fazer uma visita numa fábrica da RCA Americana, ocasião em que se apaixonou por uma câmara de TV, com a qual mais tarde acoplada a um transmissor de 10 Watts (exatamente 10 watts), geraria as primeiras imagens em circuito fechado. Dali para a transmissão a distância foi um pulo. Passou das imagens de uma vitrine da loja Tarobá, para os receptores que já somavam uma dezena em Curitiba, e que só captavam, isto com antenas especiais, programas de São Paulo e, excepcionalmente, do Rio. No velho edifício Marisa, instalou-se em um Estúdio para as primeiras transmissões, que chegavam até São José dos Pinhais. Seguiu-se então, uma luta enorme na busca de apoio, e principalmente, verbas para que o empreendimento fosse levado adiante. Foi aí que entrou o então governador Moisés Lupion, que encampou a ideia, levou-a até o Presidente Juscelino Kubitschek e solicitou a concessão de uma canal de TV para Curitiba. Era Ministro de Obras e Viação, o Amaral Peixoto. Preenchido todos os requisitos, Juscelino autoriza o funcionamento e é inaugurada a TV Paranaense Canal 12. Isto foi no dia 29 de Outubro de 1959. Hoje (dia da entrevista), o Canal 12 comemora 29 anos de bons serviços prestados à coletividade. A história do pioneiro, resumida (tipo redação para Rádio), é esta. Nada mais justo portanto, que editar este modesto trabalho, como homenagem ao idealizador, combativo e perseverante Nagib Chede Abrahão. Em breve, estaremos contando um pouco da história do Rádio no Paraná, e aí volta o "velho" Nagib a aparecer, como por exemplo, dono da primeira emissora a transmitir músicas de um LP. 

Correio de Notícias  - Bomdomingo - Conversa ao Pé do Rádio 
Curitiba, 29 de outubro de 1988


Visite e indique o BLOG do Paulo Branco - Radialista

Escreva para o PB : pbradialista@yahoo.com.br

Nenhum comentário:

FIQUE BEM INFORMADO.

Leia mais: Hoje é dia de que? Datas comemorativas • A arte da vida. Apon HP. Literatura para pensar e sentir http://www.aponarte.com.br/p/hoje-e-dia-de-que-e-amanha_09.html