terça-feira, 30 de junho de 2009

Rádio Caldeirão Pirata - Funk na área

fonte: 
Sábado, 11/04/2009

Perla, MC Cacau e MC Coringa participam da Rádio. Veja os piores momentos!




Clique e escreva para: pbradialista@yahoo.com.br


Clique abaixo e subescreva o BLOG do Paulo Branco - Radialista
Bookmark and SharePingar o BlogBlogs Adicione PB ao Google Reader Add to Technorati Favorites

segunda-feira, 29 de junho de 2009

Homenagem aos irmãos e primos do Fusca

Neste ano de 2009, já comemoramos os 50 anos do Fusca no Brasil (Veja em Fusca, 50 anos - com o vídeo: 7 carros e um destino, a história de 7 heróis intrépidos que não conhecem o mêdo...).

Fiquei sabendo que todo 22 de junho, comemora-se o "Dia Internacional do Fusca", e várias festividades são programadas e executadas em todo o mundo. Eu já tive alguns "fusquinhas" e já bloguei matérias com vídeos de Fusca ( Veja matérias e vídeos em E o PC saiu de fininho - Plano 100 com 04 reclames das décadas 50/60).

Mas, fiquei cá pensando com meus botões: -"E os irmãos ou primos do Fusca? Afinal, a Wolksvagem teve outros belos carros.". Assim, resolvi fazer uma homenagem a outros "carangos" da Volks.

Vejam quem são eles nos comerciais abaixo, e quem já os teve, pode tirar a saudade.







Clique e escreva para: pbradialista@yahoo.com.br

Clique abaixo e subescreva o BLOG do Paulo Branco - Radialista
Bookmark and SharePingar o BlogBlogs Adicione PB ao Google Reader Add to Technorati Favorites

O que o corpo precisa para se manter saudável?

Quarta-feira, 18/03/2009

Reveja: para melhorar o condicionamento físico, os pesos, as caneleiras e as repetições se mostram muito eficientes. A ginástica pode garantir força, capacidade aeróbica e um dia-a-dia mais saudável.

Fonte: Globo.com - Atividade




Visite os vídeos do Canal Paulo Branco no Vodpod

Clique e escreva para: pbradialista@yahoo.com.br

Clique abaixo e subescreva o BLOG do Paulo Branco - Radialista
Bookmark and SharePingar o BlogBlogs Adicione PB ao Google Reader Add to Technorati Favorites
Subescreva Blog do PB

domingo, 28 de junho de 2009

E VIVA SÃO JOÃO!

Ao chegar em Brasília, ainda do avião, no sobrevôo da cidade, avistei uma fogueira. Junho, festas juninas, lembrei imediatamente dos pés de moleque, quentão e claro, do nosso pinhão. Belas lembranças de nossa infância, quando os acampamentos eram iluminados nas noites frias pelas fogueiras, que aqueciam nossos corações e hoje, nossas lembranças. Ao chegar no hotel, tudo muito bem organizado pela SEPPIR, fomos recepcionados por assessores simpáticos, sorridentes, como esperávamos dos anfitriões. Ao lado, uma quadrilha, pronta para entrar em cena. Não conhecia as pessoas, mas estavam fantasiadas, roupas ciganas e em grupo. Como estavam alegres, fogueira, festas juninas, logo deduzi que faziam parte da quadrilha. Uma beleza. Lá, ao fundo do grupo, uma pessoa conhecida distribuindo a disposição das pessoas, numa peruca dourada. Entendi. A festa seria abrilhantada pela quadrilha. Com sua – desculpem, não sei como descrever o que tinha na cabeça -, peruca dourada ou coroa estilizada. Digamos então, uma alegoria dourada, o que poderia garantir um belo espetáculo. Virei-me para cumprimentar o assessor Marco Antonio e, não sei por que, me veio à cabeça Shakespeare: -“Até tu Brutus?”. Gratuita, sem qualquer ligação no momento, a não ser o nome do assessor. E veio também a lembrança o nome do Perly Cipriano. Mas, logo passou. Segui cumprimentando os atenciosos assessores. Tratei de elogiar a organização, a bela festa de São João. -"Que São João, seu idiota? Não está vendo que é uma fogueira da Inquisição?". Me assustei com a voz gutural que chamou minha atenção. Alguma autoridade brincando, pensei. Virei-me, e vi a peruca dourada se aproximando. Ao lado, o Padre Pança. A assessoria, antes sorridente, agora estava sisuda. Ao fundo a quadrilha, antes alegre e festiva, agora pareciam ursos ferozes, vermelhos de raiva, urrando a cada palavra da peruca dourada. Todos vociferavam contra bruxas e apontavam em nossa direção. Olhei para os lados e para traz, procurando as bruxas e nada vi. Seria uma encenação que eu não estava entendendo? Alguma peça de última hora, como surpresa? E por mais que olhasse, não via as bruxas. E, a peruca dourada seguia gritando: -“ Vocês são bruxas. Não são Ciganas!E sussurrava: -“Você é uma curva”. Os ursos, acompanhavam a peruca dourada, com urros fortes, olhos vermelhos, injetados de ódio e faiscavam sob a luz da fogueira. Os assessores, que presidiam o tribunal – pois sem dúvida, estavam encenando um Tribunal da Inquisição – estavam frios, gelados. Ouvindo tudo e prontos para corroborar a sentença. Achei que seria de bom tom interagir com a encenação e, tentei advogar. Ao argumentar, logo fui interrompido. Então, diante da intempestiva interrupção, entendi que não estavam brincando nem encenando nada. A coisa era pra valer. A peruca dourada, era de fato uma promotora de acusação. Mas, também era o “Juiz”. Os ursos ferozes, eram os jurados. E os assessores, estariam ali como representantes da Santa Inquisição? Diante de tanta parcialidade, retirei-me com o mínimo de dignidade, antes que me atirassem, também, na fogueira. E a platéia, embora o rosto sombrio, deliciava-se com o poder a eles conferido pelos assessores. Outros, envergonhados, olhavam para as paredes. Pensei: -“Será que o Ministro sabe de tudo o que está ocorrendo?” Não acredito. Olhei um a um. Procurei nos seus olhos a razão do por que tudo aquilo? Não conseguia ver seus olhos. Não olhavam para mim. Mas nem todos. Lá, ao fundo, um par de olhos me fitavam, firmemente. Nos lábios, um arremedo de sorriso e nos olhos, uma cobrança: -“Está vendo, seu papudo?". Era o Padre Pança. Entendi. Definitivamente, entendi. O Sagrado Tribunal da Inquisição estava instalado. Procurei, então, novamente a bruxa que apontavam e vi. Mas ela? Ela que já havia prestado tantos serviços aos chefes dos assessores? E a outra? A esposa do violinista, que canta e dança, divulgando a tantos anos a cultura cigana? Agora estava claro. Como se atreviam a propagar e divulgar a cultura de um povo herege, sem o devido consentimento da rainha e pior, sem pagar os dízimos de direito? E veio a sentença. A peruca dourada pronunciou o veredicto final: -“ESTAS MULHERES, NÃO SÃO CIGANAS!”. Sem defesa, sem respeito ao ser humano, sem leis, sem consideração. Tudo estava decidido. E os assessores, que a tudo haviam assistido impassíveis, bateram o martelo. ESTÁ FEITO!!! SÓ RESTA A FOGUEIRA!

Wasyl Stuparyk (Basílio Junior)


Clique e escreva para: pbradialista@yahoo.com.br

Clique abaixo e subescreva o BLOG do Paulo Branco - Radialista
Bookmark and SharePingar o BlogBlogs Adicione PB ao Google Reader Add to Technorati Favorites

sábado, 27 de junho de 2009

Não basta comer menos. Exercício é fundamental

"Qualquer dieta, por mais cretina que seja, sempre dá certo a curto prazo", diz o sueco Stephan Rossner

Hambúrguer frito, bacon crocante, queijo super gorduroso e o mínimo de alface. Será possível chamar isso de regime? Difícil acreditar, mas é possível. É uma dieta criada há 30 anos pelo médico americano Robert Atkins. Ela elimina os carboidratos, ou seja, açúcares, massas, pães, farinhas e grãos. Libera justamente as grandes vilãs da medicina, as gorduras.

Como funciona? "Qualquer dieta, por mais cretina que seja, sempre dá certo a curto prazo", diz o sueco Stephan Rossner, especialista em obesidade.

"Como ela restringe aqueles alimentos que são comuns no dia-a-dia, ela acaba trazendo uma baixa adesão. A pessoa acaba desistindo de fazer essa dieta rápido", avalia a nutricionista Mônica Beyruti.

"Se o Atkins viesse a um congresso mostrar resultados com pacientes acompanhados por quatro anos, ele seria convidado de honra", afirma Rossner.

O maior congresso mundial de obesidade aconteceu esta semana em São Paulo. Estava lá o irreverente doutor Rossner, que até já apresentou na TV da Suécia um programa de culinária. Já Atkins não deu as caras. Em compensação, ele aparece cada vez mais em algumas das revistas mais conhecidas do mundo.

Teoricamente, emagrecer é fácil. Uma simples questão matemática. Basta a pessoa comer menos calorias do que ela gasta. Mas se ela comer mais do que gasta, o excesso vira gordura. Por quê?

O respeitado médico britânico Philippe James, que também veio para o congresso em São Paulo, explica que nosso cérebro fica muito feliz quando engordamos, de tanto que sofreu ao longo da evolução do homem, em situações desesperadoras de falta de comida.

O sueco Rossner completa: "A evolução selecionou os indivíduos que sobreviviam porque estocavam energia dentro do corpo, ou seja, acumulavam gordura. Mas como nos dias de hoje existe muita comida disponível 24 horas por dia, nosso organismo não sabe lidar com isso".

Explicando melhor, emagrecer é contra a natureza. O cérebro manda o organismo acumular gordura, com medo de uma época de escassez. Por isso é tão difícil emagrecer. E por isso existem tantas dietas, várias delas radicais.

Como esta, que corta impiedosamente as gorduras. "A principal desvantagem é que ela corta tanto as gorduras, que acaba cortando também as gorduras necessárias, como as presentes no azeite de olina, no óleo de canola, na azeitona", explica Mônica.

Mas se a dieta que libera as gorduras, a do doutor Atkins, não é a ideal, e que corta as gorduras também tem problemas, o que fazer? A resposta: comer um pouco de tudo. Como este prato com arroz, feijão, alface, tomate e frango grelhado. "Ela não é monótona, faz com que o paciente tenha maior adesão à dieta. Só que para perder peso, ela vai se dar a longo prazo, mas ela vai trazer como conseqüência, uma manutenção do peso", diz a nutricionista.

Só que para perder peso, a gente sabe, não basta comer menos. Exercício é fundamental. Mas quanto? De acordo com os especialistas, o resultado mais importante apresentado no congresso tem a ver com justamente com atividade física, aquilo que tanta gente faz com a esperança de perder peso. Segundo os novos resultados, aquela meia hora diária de exercício que os médicos costumavam recomendar não é suficiente. Quem quiser emagrecer de verdade terá que se esforçar muito mais.

"Trinta minutos por dia é muito pouco. A pessoa teria que fazer, pelo menos, sessenta minutos por dia para poder, com o exercício, ajudar a perder peso", avisa Marcio Mancini, presidente da Associação Brasileira de Estudos da Obesidade.

Dieta equilibrada, atividade física, até aí estamos num mundo ideal. Mas e no dia-a-dia de verdade, o que se pode ou não fazer?

Comer carboidrato à noite engorda? "Não faz diferença se você come carboidrato de manhã ou à noite, o que vale é o balanceamento entre carboidrato, proteína, gordura e o número de calorias que você está comendo", desmistifica Mancini.

Comer antes de ir para cama engorda? "Vai depender do número de calorias que você gastou durante o dia e comeu durante o dia. O que vale é o balanço de quanto entrou e quanto queimou nas 24 horas".

"Tomar líquidos durante as refeições não é recomendável. Mas também não se deve proibir. Até um copo de água nas refeições está perfeito".

Frutas estão liberadas? "Você pode comer uma quantidade razoável de frutas por dia. Digamos cinco ou seis porções de frutas por dia. O ideal é que essas frutas não sejam comidas de uma vez, que sejam distribuídas durante o dia".

Sucos de frutas, tudo bem? "Suco de fruta já é algo que você deve tomar cuidado. Se o dia estiver quente e você estiver com sede, pode ingerir uma grande quantidade de calorias tomando suco de laranja, por exemplo. Melhor optar pelo maracujá, pela limonada, ou pelo suco de acerola, que têm menos calorias".

Se o senhor tivesse que fazer uma recomendação de dieta, qual seria? "Substitua a gordura por comidas ricas em fibras, como frutas, legumes, verduras, pão integral. Isso faz um bom volume no prato, mata a fome e têm poucas calorias", define Rossner.

"Nunca coma em pé ou vendo televisão. Você se distrai e não percebe que está comendo demais", recomenda Philippe.

Hoje se sabe que 70% da obesidade tem origem genética. O que dá novas esperanças para aqueles cujos genes não ajudam na hora das dietas. "No futuro vai se colher o sangue do paciente, vai ter um perfil de todos os genes, você vai ajustar pela genética o medicamento ideal para a pessoa que está precisando", prevê Mancini.

Talvez o futuro seja como no filme "O Dorminhoco", em que Woody Allen acorda no ano de 2073, quando as gorduras são consideradas saudáveis. Já pensou?

Fonte: Globo.com - Fantástico - março/2005 - As novidades no mundo das dietas

Visite os vídeos do Canal Paulo Branco no Vodpod

Clique e escreva para: pbradialista@yahoo.com.br

Clique abaixo e subescreva o BLOG do Paulo Branco - Radialista
Bookmark and SharePingar o BlogBlogs Adicione PB ao Google Reader Add to Technorati Favorites
Subescreva Blog do PB

sexta-feira, 26 de junho de 2009

Michael Jackson - coisas estranhas

Segundo comentários que circulam em Los Angeles, ou mais propriamente entre o pessoal da área técnica do Hospital em que ele morreu, a pele do cantor teria reagido às centenas de intervenções cirúrgicas e medicamentosas, e a pigmentação anterior teria como passe de mágica voltado a sua coloração anterior, ou seja, voltou a ser negro depois da morte. A informação teria vazado através de um técnico, que não é medico. Já teria começado também, a correria da imprensa em busca de maiores detalhes. Estranho, muito estranho.

Você pensa que emagrece, mas engorda ainda mais

"Fuja das atitudes que ameaçam o sucesso da sua dieta"

Ficar horas sem se alimentar, pular refeições e diminuir drasticamente a quantidade de comida são algumas das loucuras mais cometidas por quem deseja emagrecer. O problema é que a maioria dessas atitudes faz com que o efeito seja contrário, prejudicando o regime.

"São várias as atitudes que acabam colocando uma barreira enorme para na perda de peso, já que muitas pessoas não conhecem direito como funciona o organismo." explica a chefe da disciplina de nutrição do departamento de medicina preventiva da Unifesp e membro do conselho regional de nutricionista, Anita Sachs.

E o problema não se restringe apenas ao regime, algumas dessas loucuras podem afetar até mesmo a sua saúde, aumentando riscos de doenças como anemia e deixando a imunidade lá embaixo. Para te ajudar a fugir desses problemas o MinhaVida separou algumas atitudes que precisam passar bem longe do seu regime, para que você garanta muitos quilos a menos sem prejudicar sua saúde e seu metabolismo.

Pular refeições
A professora de nutrição da Unifesp é direta ao dizer que pular refeições é a pior coisa que uma pessoa de regime pode fazer, já que isso prejudica o organismo e ainda colabora para aumentar o peso. "Não adianta pular refeições, essa é uma das piores atitudes que uma pessoa pode cometer quando o assunto é perder peso e manter a saúde em dia. O problema é que, com essa atitude, você retira nutrientes essências do corpo e ainda colabora para que o metabolismo fique mais lento. Assim, seu corpo trabalha menos e conseqüentemente gasta menos energia , além de armazenar uma quantidade grande de gordura, porque ele não sabe quando será alimentado de novo".

Outro problema de pular refeições é a quantidade de alimentos que será ingerida na próxima vez que você se alimentar. "Ficando horas sem se alimentar, você acaba ficando com uma necessidade enorme de comer. E com tanta fome, claro, acaba comendo muito mais que o necessário", diz Anita Sachs.

Dizer não ao café-da-manhã
Já citamos os principais riscos de pular uma refeição, mas esse problema fica ainda maior quando falamos do café-da-manhã. "Ficar ser tomar o café-da-manhã, na maioria das vezes, resulta em mais de quatro horas sem se alimentar, o que pode resultar em lentidão dos movimentos, raciocínio confuso, perda de memória, dores musculares e de cabeça, tontura e até mesmo desmaios em alguns casos mais graves. Quem persiste em tornar o almoço a primeira refeição do dia, está expondo o organismo a mais de doze horas em jejum. Esse estado metabólico também pode favorecer consideravelmente o aparecimento de infecções, já que o organismo está fraco devido à falta de nutrientes. Outro problema é que ele reduz a quantidade de energia que gastamos ao longo do dia, fazendo com que a eliminação de gordura do corpo caia pela metade".

Fazer exercício em jejum
Não é pequena a quantidade de pessoas que insistem em enfrentar a academia em jejum. Essa atitude, no entanto, atrapalha e muito a perda de peso durante os exercícios. "Durante a execução dos exercícios físicos, se você estiver em jejum, seu nível de glicose no sangue pode estar muito baixo (hipoglicemia). Então, seu organismo vai passar a consumir proteínas. Você perde massa magra(músculos), diminui seu metabolismo e acaba ficando mais fraco. A performance cai e o desgaste físico e emocional aumentam. Em condições normais, com alimentação equilibrada, o organismo consegue manter este equilíbrio interno. No entanto, a o jejum prolongado pode comprometer esse balanço energético", diz a nutricionista do MinhaVida, Karina Gallerani.

Sucos e torradas
A primeira idéia que vem à sua cabeça na hora de começar um regime é passar o dia se alimentando de torradas e sucos naturais? Melhor desistir dessa atitude antes que o ponteiro da balança comece a subir. "As pessoas acreditam que uma alimentação recheada com muita torrada e com muito suco natural ajuda na redução de peso, mas isso não é verdade, já que o suco natural também apresenta um numero elevado de calorias, sem dizer que a torrada apresenta a mesma quantidade de calorias que um pão comum, mas quase nenhum nutriente", afirma a nutricionista da Unifesp.

Trocar uma refeição por petiscos ao longo do dia
Passar o dia todo fugindo de uma alimentação completa e abusando dos petiscos pode ser um problema segundo a nutricionista do MinhaVida. "Quando fugimos de uma alimentação completa, fazemos com que, aos poucos, as reservas do organismo se esgotem. E com o organismo fraco e debilitado, podemos desenvolver infecções e, em casos graves, levar à morte por inanição. Sem contar que os petiscos, na maioria das vezes estão recheados de calorias, que acabam engordando muito mais do que uma refeição completa e equilibrada. O que emagrece de verdade é uma alimentação saudável e balanceada".

Diminuir drasticamente a quantidade de alimentos
Se você acha que mudar de uma hora para a outra a quantidade de alimentos consumidos por dia vai fazer efeito, está na hora de refazer esse pensamento. "Reduzir radicalmente a quantidade de alimentos prejudica o bom desempenho do regime, já que o corpo se sente fraco e o metabolismo fica muito mais lento, fazendo com que a perda de calorias e de gordura seja muito menor", diz Anita Sachs.

fonte: yahoo.minhavida.com.br

Clique e escreva para: pbradialista@yahoo.com.br


Clique abaixo e subescreva o BLOG do Paulo Branco - Radialista
Bookmark and SharePingar o BlogBlogs Adicione PB ao Google Reader Add to Technorati Favorites
Subescreva Blog do PB

terça-feira, 23 de junho de 2009

Alimentos para afastar a tristeza

"Eles podem melhorar o estado de espírito"

Apesar de não haver um consenso entre os especialistas, o fato é que vários trabalhos científicos têm apontado o poder de certos alimentos para espantar a tristeza, combater a depressão e a ansiedade e ainda melhorar o humor. Alguns destes alimentos ajudam a melhorar o humor e até a combater a depressão porque estimulam a produção e a liberação de neurotransmissores, substâncias que transmitem impulsos nervosos ao cérebro e são responsáveis pelas sensações de bem-estar e prazer. A produção e a liberação desses neurotransmissores podem ser comprometidas por alguns fatores como distúrbios fisiológicos e deficiências nutricionais.

Os três principais neurotransmissores relacionados com o humor são a serotonina, a dopamina e a noradrenalina. A serotonina, responsável pela sensação de bem-estar, proporciona ação sedativa e calmante. Já a dopamina e a noradrenalina proporcionam energia e disposição. A produção de serotonina é dependente da ingestão de alimentos fontes de triptofano - aminoácido precursor da serotonina - e de carboidratos. Já a dopamina e a noradrenalina são produzidas com o auxílio da tirosina, outro aminoácido importante na nossa alimentação. Vitaminas do complexo B e alguns minerais também estão envolvidos na modulação do humor.

Pratos de bom humor

Nossos níveis cerebrais dependem da ingestão de alimentos ricos em triptofano e de carboidratos. O triptofano, uma vez no cérebro, aumenta a produção do neurotransmissor.

Dietas ricas em carboidratos podem ser utilizadas como coadjuvantes no tratamento de melhora do humor. Isso ocorre principalmente em pacientes que durante o episódio depressivo perderam peso consideravelmente. Mas, mesmo com a relação entre carboidratos e humor comprovada, o consumo dos alimentos deve ser equilibrado e orientado por um profissional de Nutrição, para evitar o ganho de peso excessivo.

Quando falamos em carboidratos, devemos ter cuidado com o consumo excessivo de doces, que a princípio pode favorecer uma melhora de humor, e depois, agravar um quadro de tristeza. Quando comemos açúcar, o nível de glicose no sangue aumenta rapidamente e, com isso, o pâncreas produz mais insulina do que o normal. Em excesso, a insulina acaba retirando mais açúcar do sangue do que deveria - provocando assim, hipoglicemia, que reduz a tolerância do organismo aos fatores que geram estresse. Uma alimentação pobre em nutrientes e cheia de açúcar, a longo prazo, tende a deixar a pessoa deprimida e cansada, pois o organismo se desgasta para metabolizar os alimentos e não tem a reposição dos nutrientes, que são o seu combustível.

Assim como o triptofano e os carboidratos, outros nutrientes também contribuem para manter o pique. Um deles é a vitamina B6, encontrada em boas doses nos cereais integrais, na semente de gergelim, na banana e no atum. Ela é integrante de uma enzima importante, que participa da produção dos neurotransmissores norepinefrina e serotonina e, conseqüentemente, ajuda a melhorar o humor.

Bom humor também precisa de uma ingestão adequada de selênio. Não podemos deixar faltar castanhas, nozes, amêndoas, trigo integral e peixes. Para se ter uma idéia, uma castanha-do-pará fornece 100 microgramas de selênio. A recomendação diária é de 55 por dia.

O folato ou ácido fólico também é uma potente vitamina antidepressiva. Encontrado no espinafre, no feijão branco, na laranja, no aspargo, na maçã e na soja. Sua deficiência no organismo tem sido associada à depressão em diversos estudos científicos. De uma maneira geral, podemos dizer que para manter o alto astral é importante seguir uma dieta equilibrada, rica em carboidratos, proteínas, alimentos fonte de triptofano e tirosina, vitaminas e minerais. Não podem faltar cereias integrais, leguminosas (grão de bico, ervilhas e feijões), oleaginosas, carnes magras, peixes, ovos, leite, queijos magros, tofu, frutas e legumes. A ingestão adequada destes nutrientes nos garante níveis adequados de neurotransmissores no organismo, proporcionando o controle do humor.

Não existem alimentos ou nutrientes milagrosos, que alteram o nosso humor, sozinhos. Existe, sim, um conjunto de nutrientes e a opção de seguirmos um plano nutricional apropriado para favorecer o bom humor. Vale ressaltar também que muitas situações fisiológicas podem complicar a liberação e a produção dos neurotransmissores, mesmo quando o indivíduo segue uma alimentação adequada.


Dr. Eduardo Gomes é médico geriatra, especializado em terapia ortomolecular. Dirige a rede de Clínicas Anna Aslan: http://www.annaaslan.com.br

fonte: Yahoo Minha Vida

Clique e escreva para: pbradialista@yahoo.com.br

Clique abaixo e subescreva o BLOG do Paulo Branco - Radialista
Bookmark and SharePingar o BlogBlogs Adicione PB ao Google Reader Add to Technorati Favorites

segunda-feira, 22 de junho de 2009

Jamelão, uma voz que começou no rádio

14/06/08 - 23h23 - Atualizado em 14/06/08 - 23h31 - Confira a trajetória de sucesso de Jamelão

"O carioca José Bispo Clementino dos Santos nasceu em 1913, foi engraxate e vendedor de jornais antes de descobrir o talento para cantar"



A voz de Jamelão começou a fazer sucesso no rádio, passou por orquestras e se eternizou no carnaval. A repórter Sandra Moreyra conta a trajetória desse talento.

O carioca José Bispo Clementino dos Santos nasceu em 1913. Na infância, o pequeno Saruê, como era chamado, foi engraxate e vendedor de jornais.

“Quando garoto, eu não imaginava que fosse ter essa voz”, admitiu Jamelão.

Voz? Vozeirão. A veia musical se revelou quando o menino pobre começou a tocar o cavaquinho e o tamborim. Em pouco tempo, conheceu os ritmistas da Estação Primeira de Mangueira.

Chegou a trabalhar como operário numa fábrica de tecidos. Mas a voz forte, poderosa, o levou aos programas de calouros nas rádios.

Com a fama, vieram os convites para se apresentar nas gafieiras do Rio. E foi numa delas, diz a lenda, que teria surgido o apelido de Jamelão. “Jamelão é uma fruta, mas eu não sou fruta”, brincava.

O rapaz, do bairro de São Cristóvão, Zona Norte da cidade, se consagrou como cantor. Mas o posto preferido era mesmo à frente da Verde e Rosa, onde virou uma referência do samba.

Jamelão também era conhecido por cultivar uma fama: a de ranzinza. Sempre foi avesso a entrevistas. Quando resolvia falar, era do tipo que não fazia cerimônia. “Eu canto música e mulher também, às vezes, quando posso. Às vezes, elas cospem marimbondo em cima de mim, o que eu vou fazer?”.

E ai de quem o chamasse de puxador de samba. “Puxador é puxador de corda, de fumo, puxa-saco. Puxador de samba, não, eu sou cantor”.

domingo, 21 de junho de 2009

Instituto Baleia Jubarte nas ondas do rádio

fonte:
Sábado, 25/10/2008 - Instituto Baleia Jubarte desenvolve também programas de educação e formação ambiental

Para cada público uma abordagem diferente: com as crianças, oficinas lúdicas em oito escolas. Nas ondas do rádio, a população participa de passeios de reportagens sobre o local.




Clique e escreva para: pbradialista@yahoo.com.br


Clique abaixo e subescreva o BLOG do Paulo Branco - Radialista
Bookmark and SharePingar o BlogBlogs Adicione PB ao Google Reader Add to Technorati Favorites

FIQUE BEM INFORMADO.

Leia mais: Hoje é dia de que? Datas comemorativas • A arte da vida. Apon HP. Literatura para pensar e sentir http://www.aponarte.com.br/p/hoje-e-dia-de-que-e-amanha_09.html