quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Parabéns ao Canal 12, pioneiro da TV no sul do Brasil


fonte: www.paulobranco.com - Conversa ao Pé do Rádio - Pioneira da TV no Sul do Brasil -  sexta-feira 17 de abril de 2009


Hoje, com 77 anos de idade. Recolhido a vida privada. Dizendo sentir um pequeno arrependimento, por ter deixado as atividades empresariais. Dividindo seu tempo entre Curitiba e Litoral. Feliz pela obra realizada, que lançou tantas e tantas personalidades da política, cultura , administração e comunicação do Estado e do país. Nagib Chede Abrahão, filho de imigrantes libaneses, desde muito jovem revelou interesse pela eletrônica, tanto que aos 09 anos pedia a seu pai, o libanês Chede Abrahão, que lhe comprasse um bom aparelho receptor de rádio, e aos 18 já era radioamador. Mas foi com a televisão que Nagib veio a se destacar, e ser um magnata na época, possuindo uma só câmara de TV. Acontece que era o único que possuía uma câmara de TV na Região Sul do Brasil, daí ser um pioneiro não só do Paraná, mas de todo o sul do país. Foi no dia 29 de Outubro de 1959 que Nagib inaugurou a Rádio Emissora Paranaense, Canal 12, e coube a mim entrevistá-lo, exatamente no dia que era comemorado o vigésimo oitavo aniversário da organização. Durante as horas em que conversamos, não recebeu um único telefonema, e sobre a mesa não havia nenhum telegrama de congratulações. Sei que a TV lhe prestou homenagem, contando parte de sua história, que é a história da TV sulista brasileira. Tudo começou durante um vôo Miami-Nova York, quando acompanhado de João Lydio Bettega, fez amizade com um engenheiro da Rede NBC, que o convidou a fazer uma visita numa fábrica da RCA Americana, ocasião em que se apaixonou por uma câmara de TV, com a qual mais tarde acoplada a um transmissor de 10 Watts (exatamente 10 watts), geraria as primeiras imagens em circuito fechado. Dali para a transmissão a distância foi um pulo. Passou das imagens de uma vitrine da loja Tarobá, para os receptores que já somavam uma dezena em Curitiba, e que só captavam, isto com antenas especiais, programas de São Paulo e, excepcionalmente, do Rio. No velho edifício Marisa, instalou-se em um Estúdio para as primeiras transmissões, que chegavam até São José dos Pinhais. Seguiu-se então, uma luta enorme na busca de apoio, e principalmente, verbas para que o empreendimento fosse levado adiante. Foi aí que entrou o então governador Moisés Lupion, que encampou a ideia, levou-a até o Presidente Juscelino Kubitschek e solicitou a concessão de uma canal de TV para Curitiba. Era Ministro de Obras e Viação, o Amaral Peixoto. Preenchido todos os requisitos, Juscelino autoriza o funcionamento e é inaugurada a TV Paranaense Canal 12. Isto foi no dia 29 de Outubro de 1959. Hoje (dia da entrevista), o Canal 12 comemora 29 anos de bons serviços prestados à coletividade. A história do pioneiro, resumida (tipo redação para Rádio), é esta. Nada mais justo portanto, que editar este modesto trabalho, como homenagem ao idealizador, combativo e perseverante Nagib Chede Abrahão. Em breve, estaremos contando um pouco da história do Rádio no Paraná, e aí volta o "velho" Nagib a aparecer, como por exemplo, dono da primeira emissora a transmitir músicas de um LP.


Correio de Notícias  - Bomdomingo - Conversa ao Pé do Rádio 
Curitiba, 29 de outubro de 1988

A matéria acima, foi postada em nosso Blog, na série "Conversa ao Pé do Rádio', onde lembrei de algumas matérias que escrevi no jornal Correio de Notícias, lá pelo final da década de 80. Na coluna, abordei sobre uma entrevista com o Nagibe Chede e o pioneirismo da TV no sul do Brasil. Como vocês poderão observar, eu coloco na matéria que a inauguração do Canal 12 foi no ano de 1959. Não sei a razão de ter colocado o ano de 59, mas à época os escritos sobre o Rádio e a TV brasileiros eram poucos e, muitas vezes, confusos. Mas, com passar dos tempos, novos artigos foram surgindo e novas lembranças vieram à tona. Diversos jornalistas, locutores, repórteres, diretores e outros profissionais do Rádio e da Televisão foram escrevendo e gravando suas histórias. Vide caso do projeto que o Luis Renato Ribas e o Renato Mazanek estão produzindo no CINEVIDEO1, o "Memória Paranaense", do qual já postamos diversos artigos no Blog. 

Vale a pena uma leitura das matérias do Elmo Francfort Ankerkrone no Blog SampaOnline - Coluna Televisao, onde ele relata a história da sua família com a TV Paranaense, trazendo ainda relato das fases experimental e comercial da TV. No texto ele cita: "A TV Paranaense tinha grande profissionais... Alcides Vasconcelos (telejornalismo), Renato Mazanek (diretor da rádio, diretor de TV, ator e que na fase comercial da emissora criou um sistema de gerador de caracteres numa caixa de madeira - com um lápis eletrônico! - e uma máquina de efeitos especiais para a televisão feito com um cone de cartolina, que fazia uma máscara na câmera e tornando isto numa cena pequena na tela); Romualdo Ousaluk (diretor artístico); Silas de Paula (cameraman e ator improvisado, no que se saiu muito bem), Moraes Fernandes e o dono do primeiro rosto aparecer no vídeo, Elon Garcia (apresentadores), até hoje assíduo "garoto-propaganda" de televisão. Contavam também com a colaboração de um palhaço profissional Ulisses de Triana, que fazia a uma bem feita maquiagem nos atores.".  

Outra texto muito interessante e que nos leva a pensar, é do Aramis Millarch, que "pesquei"  no Tablóide Digital, intitulado 17 de julho de 1954: a primeira vez que os curitibanos viram TV, onde cita: 'Assim, perante uma multidão atraída pela novidade, apareceram as primeiras imagens em preto e branco, tendo Didier Bettega como mestre de cerimônias, Renato Valente e Alexandre Gutierrez foram os primeiros a fazer saudações, conforme registraria o jornalista P.A. do Nascimento em reportagem ocupando duas páginas na edição de outubro da "Revista do Guaíra", ilustrada com fotos de João Graf Schreiber." 

Por fim, cito o artigo "Lembranças esparsas dos tempos históricos da TV", também do Tablóide Digital, onde o Aramis nos traz algumas lembranças dos primórdios das emissoras de TV no Paraná, tanto do canal 12 - TV Paranaense, como o Canal 6 - TV Paraná, e o Canal 4 - TV Iguaçú.

Veja o vídeo apresentado no dia de hoje, pela Rede Paranaense de Televisão (RPC), sucessora da Rádio Emissora Paranaense que o Nagibe Chede inaugurou, oficialmente, em 29 de outubro de 1960. 

 

Visite e escreva ou indique também o BLOG do Paulo Branco - Radialista
Veja e baixe os vídeos do Canal Paulo Branco no Vodpod
Ouça todos os áudio em Paulo Branco no Tunepak
Ou escreva para o PB : pbradialista@yahoo.com.br
Bookmark and Share Pingar o BlogBlogs Adicione PB ao Google Reader Add to Technorati Favorites
Subscreva Blog do PB

Azeitona previne cãibras e combate o colesterol

fonte: R7.com - publicado em 21/10/2009 às 09h13:



Verde ou preto, fruto faz bem ao coração, ossos e dentes, além de combater o colesterol ruim.

                                          



Aproveite e visite, escreva ou indique também o BLOG do Paulo Branco - Radialista

Veja e baixe os vídeos do Canal Paulo Branco no Vodpod

Ouça todos os áudio em Paulo Branco no Tunepak

Ou escreva para o PB : pbradialista@yahoo.com.br

Bookmark and Share Pingar o BlogBlogs Adicione PB ao Google Reader Add to Technorati Favorites

Subscreva Blog do PB

Cai o número de leitores de jornal no Brasil e a Folha de S.Paulo é um dos mais afetados

Fonte: R7.com - publicado em 23/10/2009 às 21h50:

Dados mostram que o número de leitores dos jornais no país tem despencado. A Folha de S.Paulo é um dos mais prejudicados.
                                         

Aproveite e visite, escreva ou indique também o BLOG do Paulo Branco - Radialista
Veja e baixe os vídeos do Canal Paulo Branco no Vodpod
Ouça todos os áudio em Paulo Branco no Tunepak
Ou escreva para o PB : pbradialista@yahoo.com.br
Bookmark and Share Pingar o BlogBlogs Adicione PB ao Google Reader Add to Technorati Favorites
Subscreva Blog do PB

quarta-feira, 28 de outubro de 2009

Queijo é rico em gorduras e pode prejudicar hipertensos

fonte: R7.com - publicado em 28/10/2009 às 10h58:

Rico em proteínas e em cálcio, queijo possui alto teor de gordura e, por isso, calórico se consumido em grandes quantidades.

                                        



Aproveite e visite, escreva ou indique também o BLOG do Paulo Branco - Radialista

Veja e baixe os vídeos do Canal Paulo Branco no Vodpod

Ouça todos os áudio em Paulo Branco no Tunepak

Ou escreva para o PB : pbradialista@yahoo.com.br

Bookmark and Share Pingar o BlogBlogs Adicione PB ao Google Reader Add to Technorati Favorites

Subscreva Blog do PB

Ubiratan Lustosa no CINEVIDEO1


Como citado em postagem anterior, estive na última sexta, 23 de outubro,  na apresentação do CINEVIDEO1 do Nestor Baptista (Veja matéria). Continuando a agenda da "Mostra Memória Paranaense", tivemos no sábado, a apresentação do radialista Ubiratan Lustosa . A série é uma realização do CINEVIDEO1 e apresenta profissionais de todas as camadas sociais e profissionais, que são convidadas a gravar um DVD onde contam um pouo da sua história, bem como, as vantagens e desvantagens de suas profissões. Ao fazer um depoimento ao Cinevideo1, o personagem descreve em 50 minutos de entrevista, como era sua profissão e as perspectivas para o futuro. Depois, são convidados um por vez, para a exibição do DVD com seus convidados e familiares. Ao mesmo em que apreciamos o trabalho, acontece em paralelo, uma festa de confraternização e reencontros. Vale a pena conferir o calendário ( Veja calendário) de apresentações no Cinevideo1, localizado na Rua Padre Anchieta 458, Mercês, sempre às 19 horas. No sábado passado, 24 de outubro,  tivemos a apresentação do radialista e advogado Ubiratan Lustosa, que atuou e muito na "era de ouro" de nosso Rádio, na Clube Paranaense, onde foi locutor, diretor, apresentador e diretor. Na foto, da esquerda para direita, Paulo Branco, Antonio Vicente Pereira Filho (pai da soprano Claudete Rufino) que marcou presença nos musicais da B2, Ubiratan Lustosa, e o radialista e jornalista da Rádio/TV Educativa do Paraná, Silvio de Tarso.

Visite e escreva ou indique também o BLOG do Paulo Branco - Radialista
Veja e baixe os vídeos do Canal Paulo Branco no Vodpod
Ouça todos os áudio em Paulo Branco no Tunepak
Ou escreva para o PB : pbradialista@yahoo.com.br
Bookmark and Share Pingar o BlogBlogs Adicione PB ao Google Reader Add to Technorati Favorites
Subscreva Blog do PB

terça-feira, 27 de outubro de 2009

Ser ou não ser


Às vezes, fico em dúvida se sou eu mesmo, senão vejamos: Carro em movimento, sou MOTORISTA. Chegando no estacionamento, tenho que optar em ser DIARISTA, MENSALISTA ou HORISTA. Deixo o carro, passo a ser TRANSEUNTE ou PEDESTRE. No consultório médico sou PACIENTE e para o guardador de carro sou DOUTOR, mas se eu não der gorjeta, sou um bom F.D.P.. Nas rodovias pedagiadas sou USUÁRIO, e nas festas de natal na Associação sou VOLUNTÁRIO ... E por aí vai!

Paulo Branco, "amor, salud y plata"


Visite e escreva ou indique também o BLOG do Paulo Branco - Radialista
Veja e baixe os vídeos do Canal Paulo Branco no Vodpod
Ouça todos os áudio em Paulo Branco no Tunepak
Ou escreva para o PB : pbradialista@yahoo.com.br
Bookmark and Share Pingar o BlogBlogs Adicione PB ao Google Reader Add to Technorati Favorites
Subscreva Blog do PB

segunda-feira, 26 de outubro de 2009

A virtude pedagógica da Confecom - por Altamiro Borges



Apesar das escaramuças e rasteiras, a convocação da 1ª Conferência Nacional de Comunicação (Confecom) já pode ser considerada uma grande vitória. Num curto espaço de tempo, milhares de brasileiros estão se envolvendo no debate estratégico sobre o papel da mídia na atualidade. Na semana passada, segundo balanço parcial, ocorreram mais de 60 etapas municipais, conferências livres da juventude, encontros sindicais e outros eventos para discutir o temário da Confecom. O saldo pedagógico deste rico processo, agregando milhares de pessoas, é incalculável.

Diagnóstico e propostas concretas
No conjunto, estas iniciativas cumprem dois objetivos básicos. Em primeiro lugar, elas colocam no banco de réus a mídia hegemônica, altamente concentrada e perigosamente manipuladora. Em todos estes eventos, os participantes criticam a crescente monopolização do setor, sua conduta de criminalização das lutas sociais – o alvo do momento é o MST –, as deformações dos valores humanistas e civilizatórios, a sua postura golpista. Como os barões da mídia se recusam a tratar de seus defeitos e nem sequer divulgam a Confecom, é a sociedade que escancara os seus podres.

O segundo mérito é que, além de fazer o diagnóstico do setor, os presentes também apresentam propostas para democratizar os meios de comunicação. Alguns consensos vão se forjando nestes debates: 1) novo marco regulatório, que coíba a concentração do setor e garanta a diversidade informativa; 2) revisão dos critérios de concessão pública para as emissores privadas de rádio e TV; 3) fortalecimento da rede pública de comunicação; 4) fim da criminalização da radiodifusão comunitária; 5) política pública de inclusão digital, garantindo “banda larga para todos”; 6) revisão dos critérios da publicidade oficial, incentivando a pluralidade; 7) medidas de estimulo à participação popular e ao controle social, com a criação dos conselhos de comunicação.

Cai a máscara dos barões da mídia
Os latifundiários da mídia fizeram de tudo para sabotar o debate democrático na sociedade sobre os meios de comunicação. Eles impediram a regulamentação dos dispositivos da Constituição de 1988; abortaram todas as iniciativas democratizantes do setor; chantagearam e enquadraram os poderes públicos; desqualificaram os críticos da monopolização e da manipulação midiática, apresentando-os como partidários da censura; contiveram ao máximo a convocação da Confecom.

Quando o governo Lula finalmente decidiu convocar a conferência, eles tentaram sabotá-la. Num gesto desesperado, seis das oito entidades empresariais abandonaram a comissão organizadora do evento. Com isso, os barões da mídia demonstraram que não têm qualquer compromisso com a democracia; que o discurso da “liberdade de expressão” é pura retórica; que eles não defendem a “liberdade de imprensa”, mas sim a “liberdade dos monopólios”. Esta conduta autoritária pode representar um tiro no pé. No esforço pedagógico da Confecom, cai a máscara dos barões da mídia.

Altamiro Borges é jornalista, membro do Comitê Central do PCdoB, editor da revista Debate Sindical e organizador do livro “Para entender e combater a Alca” (Editora Anita Garibaldi, 2002).

Aproveite e visite, escreva ou indique também o BLOG do Paulo Branco - Radialista
Veja e baixe os vídeos do Canal Paulo Branco no Vodpod
Ouça todos os áudio em Paulo Branco no Tunepak
Ou escreva para o PB : pbradialista@yahoo.com.br
Bookmark and Share Pingar o BlogBlogs Adicione PB ao Google Reader Add to Technorati Favorites
Subscreva Blog do PB

Nestor Baptista e a série Memória Paranaense

Foi realizado na última sexta, 23 de outubro, evento de apresentação do depoimento de Nestor Baptista da série  Memória Paranaense. A série é uma feliz iniciativa de Renato Ribas para perpetuar casos e causos dos homens e mulheres que fizeram do Rádio suas razões de viver, bem como, exerceram a profissão com desprendimento, sacrifício, coragem e muita luta. Na fotos, alguns radialistas que lá estiveram. Não foi possível fotografar todos como gostaríamos, mas não teve jeito, pois o fotógrafo que aqui vos escreve, não é fotógrafo, é radialista. Mas vamos lá. Nas fotos temos o Nestor Baptista, Mário Celso, Valdir Gomes, Dorval Monteiro, Paulo Branco, Augusto Mafuz e Renato Mazanek. Anotamos também, a presença de Euclides Cardoso de Almeida, advogado e conhecedor do Rádio e da música popular brasileira, como poucos em nosso Estado. Festa linda, grandes reencontros entre colegas que a muito não se viam. Recordações mil. Deixa a vida me levá ..., lá vou eu ...



Nestor Baptista, radialista e Conselheiro do Tribunal de Contas, ao lado dos radialistas Valdir Gomes e Paulo Branco.


 
Advogado e cronista Augusto Mafuz, com o vereador e radialista Mário Celso




Nestor Baptista, com radialistas Valdir Gomes e Augusto Mafuz.



O publicitário Renato Mazanek e Dorval Monteiro, advogado e locutor esportivo.






Visite e escreva ou indique também o BLOG do Paulo Branco - Radialista
Veja e baixe os vídeos do Canal Paulo Branco no Vodpod
Ouça todos os áudio em Paulo Branco no Tunepak
Ou escreva para o PB : pbradialista@yahoo.com.br
Bookmark and Share Pingar o BlogBlogs Adicione PB ao Google Reader Add to Technorati Favorites
Subscreva Blog do PB

sexta-feira, 23 de outubro de 2009

CONFECOM - 2010

Conferência de Comunicação: as 7 propostas das centrais sindicais
 

Dezenas de jornalistas, assessores de imprensa e sindicalistas participaram nesta quarta-feira (21), na sede da UGT, em São Paulo, do Seminário Nacional de Comunicação das Centrais Sindicais (CTB, CUT, Força Sindical, UGT, CGTB e NCST). O evento formalizou uma pauta unificada, dos trabalhadores para a 1ª Conferência Nacional de Comunicação (Confecom), que será realizada entre os dias 14 a 17 de dezembro, em Brasília.

Participaram dos debates cerca de 40 sindicalistas, além de entidades ligadas à democratização da mídia. O principal fruto do seminário foi um acordo de ação conjunta. Na Confecom, todas as centrais vão defender uma mesma agenda de lutas, com sete propostas:

  1. Fortalecer a rede pública de comunicação;
  2. Estabelecer um novo marco regulatório para o setor;
  3. Fortalecer as rádios e TVs comunitárias e combater a repressão do Estado a essas mídias;
  4. Ampliar e massificar a inclusão digital, com banda larga para todos;
  5. Fixar novos critérios para a publicidade oficial;
  6. Elaborar novas formas de concessão pública;
  7. Exercer controle social.

Antes das exposições, o jornalista Altamiro Borges, o Miro, editor do Vermelho e autor do livro A Ditadura da Mídia, fez uma breve intervenção sobre o panorama atual do mundo das comunicações. Convidado pelas centrais, Miro enalteceu a relevância da Confecom. ?Pela primeira vez se debate comunicação no Brasil, e essa é nossa primeira vitória?, declarou. ?Basta dizer que a Saúde já realizou 13 conferências, e numa delas nasceu o Sistema Único de Saúde.?

Para Eduardo Navarro, secretário nacional de Comunicação da CTB, é necessário que o movimento sindical construa propostas comuns que efetivamente sirvam para a democratização da comunicação. Navarro também disse desejar que o evento seja reproduzido em todos os estados. ?A conferência é um fórum privilegiado para as centrais atuarem em conjunto, levando bandeiras que ampliem os espaços de participação da sociedade nos meios de comunicação?.

Já Sebastião Soares, da NCST, destacou a unidade consolidada entre as centrais nos últimos anos. ?O sindicalismo tem marchado unido em questões importantes como salário mínimo, jornada de 40 horas, redução dos juros e fim do fator previdenciário. Essa unidade é imprescindível agora na definição de um tema tão estratégico quanto a comunicação?, afirmou. Segundo ele, ?o avanço da democracia exige a democratização da comunicação, que hoje atende apenas os interesses do grande capital?.

Rosane Bertotti, secretária nacional de Comunicação da CUT, fez um histórico das ações do movimento social, argumentando ? como Miro ? que a própria realização da Confecom já é uma conquista. Por outro lado, a sindicalista condenou a postura dos empresários diante desse debate: ?Eles querem fazer uma conferência que atenda apenas a seus interesses empresariais. É covardia a ameaça dos patrões da mídia de não participar da conferência?.

Da Redação, com agências e centrais sindicais


Aproveite e visite, escreva ou indique também o BLOG do Paulo Branco - Radialista
Veja e baixe os vídeos do Canal Paulo Branco no Vodpod
Ouça todos os áudio em Paulo Branco no Tunepak
Ou escreva para o PB : pbradialista@yahoo.com.br
Bookmark and Share Pingar o BlogBlogs Adicione PB ao Google Reader Add to Technorati Favorites
Subscreva Blog do PB

CINEVIDEO1 - Mostra Memória Paranaense

Programação 23 a 31/Outubro - Mostra Memória Paranaense


Série DEPOIMENTOS

Dia 23: Rádio (Nestor Batista)
Dia 24: Rádio (Ubiratan Lustosa)
Dia 25: Marketing (Eloi Zanetti)
Dia 27: Publicidade (JJ)
Dia 28: Teatro (Ary Fontoura)
Dia 29: Teatro (René Dotti)
Dia 30: Futebol (Mota Ribeiro)
Dia 31: Jornal (Ayrton Baptista)

Horário: 19h
Local: Instituto Cultural Cinevídeo1 – Auditório Kastrup
Rua Padre Anchieta, 458 - Mercês
Ingresso: Gratuito
Reservas: (41) 3223-4343
www.cinevideo1.com.br

Consulte o site www.cinevideo.com.br clicando em agenda e verifique toda a programação de outubro.


Em novembro será a vez da MEMÓRIA DO RÁDIO ESPORTIVO, e em dezembro da MEMÓRIA DO RÁDIO PARANAENSEcom a projeção dos depomentos colhidos, até aqui,  pelo projeto Instituto Cultural Cinevideo.


Visite e escreva ou indique também o BLOG do Paulo Branco - Radialista
Veja e baixe os vídeos do Canal Paulo Branco no Vodpod
Ouça todos os áudio em Paulo Branco no Tunepak
Ou escreva para o PB : pbradialista@yahoo.com.br
Bookmark and Share Pingar o BlogBlogs Adicione PB ao Google Reader Add to Technorati Favorites
Subscreva Blog do PB

FIQUE BEM INFORMADO.

Leia mais: Hoje é dia de que? Datas comemorativas • A arte da vida. Apon HP. Literatura para pensar e sentir http://www.aponarte.com.br/p/hoje-e-dia-de-que-e-amanha_09.html