sábado, 19 de dezembro de 2009

Grandes radialistas e gafes - Mario Vendramel e Segio Fraga

Houve um marechal russo cujo nome causou inúmeras dificuldades aos Locutores Noticiaristas, prejudicando a apresentação dos informativos das emissoras. Na Bedois, por mais de uma vez o noticiário terminou mais cedo porque os seus apresentadores, Mário Vendramel (foto) e Sérgio Fraga, não conseguiam conter o riso. O nome do marechal era Fedorenko e o Mário, por mais que se esforçasse para ler corretamente, sempre dizia "fedorento", acabando com o noticiário.

* * * * *

Certa vez o Mário Vendramel foi entrevistado num dos programas de auditório da Bedois. Alguém da platéia fez esta pergunta:

- Mário, se você fosse eleito Presidente da República, qual seria a sua primeira providência?

E o Mário, inconseqüente, respondeu:
- Se eu fosse eleito Presidente da República a primeira coisa que eu faria era acabar com o exército! Não sei pra que esse bando de parasitas que não faz nada!

O povo ficou atônito; ainda estávamos no regime militar. O locutor que apresentava o programa contemporizou, fez algumas perguntas banáis para distrair o público, e o show foi em frente. Acontece que os gozadores de plantão, e eram muitos na Bedois, viram nisso uma excelente oportunidade para passar mais um trote no Mário. No dia seguinte, conseguiram uma folha de papel com o timbre de uma Delegacia de Polícia e o Paulo de Avelar redigiu uma falsa intimação. No documento forjado o Mário era intimado a comparecer à Delegacia, a fim de responder pelas ofensas feitas ao exército. Ele ficou apavorado e foi conversar com Jacinto Cunha em busca de conselhos.

O veterano Jacinto estava informado da gozação e fez mais carga, dizendo o seguinte:
- O conselho que eu posso dar é que você vá à Delegacia... e já leve pijama, escova de dentes, umas mudas de roupa, porque dessa você não escapa tão fácil!

Foi uma cacetada! À beira de entrar em transe o Mário ia falando com todos os colegas que encontrava, e cada um botava mais lenha na fogueira. E de repente, chegam à Rádio dois tenentes do exército e pedem para falar com o Diretor Artístico. Era comigo, e quando entraram na minha sala levei um susto danado. Fechei a porta e fui ouvi-los. Na verdade, nada a ver com o que o Mário falara. Eles só queriam solicitar a colaboração da Bedois na divulgação das comemorações da Semana do Exército. Quando foram embora, minha sala encheu de curiosos e assustados colegas, e o aterrorizado Vendramel entre eles.

Aí, fazer o que? Eu só disse que os tenentes foram pedir a imediata demissão do Mário Vendramel. E passamos o dia inteiro maltratando o companheiro para só bem à tardinha contar a verdade. Desnecessário dizer que o xingamento que ouvimos esteve à altura da nossa maldade.

E o Mário nunca mais criticou os militares.

* * * * *

O Sérgio Fraga e o Mário Vendramel (foto abaixo), grandes radialistas do passado com os quais tive o prazer de trabalhar na Rádio Clube, quando atuavam juntos na apresentação de um programa eram um verdadeiro terror para os Diretores. É que se um deles cometesse uma falha, o outro não se aguentava e desandava a rir, e o que é pior, os dois caiam na gargalhada e muitas vezes tinham que interromper o programa com verdadeiros ataques de riso.

O Dr. Carlos Bostelmann, filho do Sérgio Fraga, lembrou-me de uma passagem dessa inesquecível dupla.

Vendramel e Fraga apresentavam o "Jornal da Noite" quando numa das frases que o Mário lia apareceu a palavra DESMORALIZANDO. Ao ler, ele enrolou a língua e, dando uma de Cebolinha, saiu com DESMOLALIZANDO. O Fraga começou a rir discretamente.

Aí, o Mário quis corrigir e disse:
- "Perdão, ouvintes. Corrigindo: a palavra é DES-MO-LA-LI-ZAN-DO".

Repetiu o erro e começou a rir. Tentando arrumar a situação, o Sérgio Fraga com aquela voz possante interferiu:
- "Perdão novamente, ouvintes. Vamos corrigir: a palavra é DESMOLALIZANDO".

Errou também e aí o Operador entrou com uma passagem musical porque os dois choravam de tanto gargalhar desbragadamente.

Os Diretores da Rádio se zangavam, mas os ouvintes adoravam essas falhas e também riam pra valer.

Mário Vendramel
fonte: fotos e texto - Site do Ubiratan Lustosa

Veja e baixe os vídeos do Canal Paulo Branco no Vodpod
Ouça todos os áudio em Paulo Branco no Reverbenation
Contato: pbradialista@yahoo.com.br

Pingar o BlogBlogs Adicione PB ao Google ReaderSubscreva-se em NewsGator OnlineAdd to netvibesSubscreva-se em BloglinesAdd to Pageflakes Add to Technorati Favorites

Nenhum comentário:

FIQUE BEM INFORMADO.

Leia mais: Hoje é dia de que? Datas comemorativas • A arte da vida. Apon HP. Literatura para pensar e sentir http://www.aponarte.com.br/p/hoje-e-dia-de-que-e-amanha_09.html