sábado, 11 de setembro de 2010

Brecha para o coronelismo

Willian Bressand, comentou em jornal de Curitiba sobre a decisão do STF no sentido de facilitar o mal uso da rádios e tevês.

Bressan diz que:"O posicionamento dos veículos de comunicação já vinha acontecendo há muito tempo, só que implicitamente, o que de certa forma feria a idéia de que a imprensa é a guardiã da democracia".

Apenas no Brasil os veículos de comunicação não se posicionavam em eleições. Em outros países isso já acontece há muito tempo.

Além disso, a decisão do STF também suscita discussões sobre os mitos da objetividade e da imparcialidade jornalística, duas coisas que não existem".

Na prática amigo Willian, as rádios com raras excessões, têm seus preferidos não só nas eleições, mas também na programação geral diária.

Pesquisas recentes dão conta de que a maioria das concessões são obtidas por políticos e religiosos. Quando o político ou um segmento religioso consegue uma concessão, ele (o político) sempre é o preferido na programação de notícias e entrevistas, porque graças a seu "trabalho", a rádio está funcionando, não precisando ser o verdadeiro dono do veículo.

-

Férias em dobro

Trocando de saco prá mala.

Se pagou um dia, ou trinta dias após o inicio das férias, não importa.

O pagamento em dobro das férias é sempre devido pelo empregador se for realizado após o prazo prescrito em lei, ou seja, até dois dias antes de o trabalhador começar usufruí-las.

Para fazer valer esse direito a uma empregada, a Sexta Turma do Tribunal Superior do Trabalho reformou decisão que condenava a instituição apenas ao pagamento de multa administrativa.

(saraivaeadvogados@hotmail.com)

Nenhum comentário:

FIQUE BEM INFORMADO.

Leia mais: Hoje é dia de que? Datas comemorativas • A arte da vida. Apon HP. Literatura para pensar e sentir http://www.aponarte.com.br/p/hoje-e-dia-de-que-e-amanha_09.html