terça-feira, 22 de março de 2011

O Paraná tem "velhos" e bons profissionais de Rádio - parte 2

Na primeira parte dessa matéria ( "O Paraná tem "velhos" e bons profissionais do Rádio - parte 1") , o radialista Léo de Oliveira se referiu a dois comunicadores da "velha guarda", o Haroldo de Andrade e o Antonio Carlos, citando a competência e tarimba de ambos.

Já no Paraná, e principalmente em Curitiba, os radialistas com idade acima de 30 ou 40 são considerados velhos, não são prestigiados, lembrados, e muito menos, contratados.

  A mentalidade de muitos empresários não está voltada para o verdadeiro papel do Rádio, exceto em parte, em alguns outros estados.

Pois bem. Conheço aqui no Paraná muitos animadores, locutores, narradores, apresentadores, sonoplastas e outros profissionais, tão bons quanto os cariocas, gaúchos e paulistas.
Lembro de ótimos operadores, diretores e produtores da melhor qualidade.
No entanto, estão por aí sobrevivendo em outras ocupações, nem sempre ligadas ao que sempre fizeram, e que gostariam de continuar realizando.

Não sabemos a razão pela qual as Rádios e TV's Educativas, não aproveitam este imenso potencial de verdadeiros professores, em seus quadros.

Dou como exemplo, o pessoal que atua na área esportiva, muitos dos quais conheci quando cheguei aqui em 64, e estão batendo a bola com maestria.

Vide o exemplo citado no blog do competente Capitão Hidalgo, que a "Rádio Tropical AM/320" de Curitiba, fechou acordo com a "Rádio Brasil Sul" de Londrina, para a cobertura do Mundial de Futebol na África.

"É mais uma demonstração da força do rádio paranaense acostumados com grandes coberturas internacionais.

É bom dizer que a Tropical já havia recebido outros convites, contudo, a equipe de esportes achou melhor lincar com os companheiros do norte paranaense" diz o capitão Hidalgo em seu blog.

Capitão Hidalgo e Lombardi Júnior, um grande número de transmissões internacionais - fonte: site do Ubiratan Lustosa

Aliás, o Capitão Hidalgo e o saudoso Lombardi Junior, foram os formadores da "Equipe Positiva", que iniciou suas atividades na década de 70 na "Rádio Universo" de Curitiba.

Em dezembro de 1978 transferiram-se para Bedois, sendo que compunham o grupo na fase inicial, além de Hidalgo e Lombardi, os radialistas Carneiro Neto, Durval Leal, Alfredo Ribeiro, Raul Mazza, Édson Pereira (Pereirinha), Silvio Silva, Oldemar Kramer, Sidney Campos e Reginaldo Loyola. Vejam quanto "monstro sagrado" nós temos ou tivemos no rádio paranaense, citando apenas como exemplo, parte de uma equipe esportiva de grande sucesso.

Repito o apelo que fiz no artigo "O Paraná tem "velhos" e bons profissionais do Rádio - parte 1", para que os donos de Rádios e TVs Brasileiras, que os novos governadores que virão no próximo ano, pensem nos trabalhadores em radiodifusão que estão na berlinda, mas...

Contato: pbradialista@yahoo.com.br

Adicione PB ao Google Reader

Nenhum comentário:

FIQUE BEM INFORMADO.

Leia mais: Hoje é dia de que? Datas comemorativas • A arte da vida. Apon HP. Literatura para pensar e sentir http://www.aponarte.com.br/p/hoje-e-dia-de-que-e-amanha_09.html