sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Quem trabalha,trabalha!

RESUMO DA SEMANA

Oposição apresenta relatório da atuação
O líder da Minoria na Câmara, deputado Gustavo Fruet (PSDB-PR), e os vice líderes – Luiz Carlos Hauly (PSDB/PR), Paulo Abi-Ackel (PSDB/MG) e Vanderelei Macris (PSDB/SP) – entregaram na última terla-feira (07/12) o relatório sobre a atuação da oposição na Câmara dos Deputados em 2010.
Encaminhado aos deputados e senadores dos três partidos de oposição no Congresso (DEM, PPS e PSDB), o relatório traz um apanhado sobre os temas que geraram maior embate político no legislativo e um quadro de com as ações adotadas pela Liderança da Minoria no cumprimento de seu papel institucional.
Os líderes mencionam ainda o cenário difícil da próxima legislatura, quando a oposição perde espaço e o Congresso precisa recuperar sua função institucional.
Leia o relatório completo no link abaixo.
http://www.fruet.com.br/noticia.php?idnoticia=1376
________________________________________________________________________________________________________________________________
Com apoio do PSDB, Câmara prorroga Lei Kandir
Após um acordo entre os líderes partidários, o plenário da Câmara aprovou na quarta-feira (8) alterações na Lei Kandir. A mudança adia de 1º de janeiro de 2011 para 1º de janeiro de 2020 o repasse à indústria, por parte dos estados, de créditos de ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) relativos à compra de mercadorias para uso e consumo próprio, como papel e combustível. Isso provocaria nos Estados uma queda de receita da ordem de R$ 19,5 bilhões ao ano, segundo cálculos de técnicos da Câmara. O Paraná seria um dos estados mais prejudicados, com perda estimada de R$ 1 bilhão.
Os deputados deram preferência para a versão contida em emenda do deputado Rodrigo de Castro (PSDB-MG), assinada por vários partidos, em detrimento da emenda do relator Virgílio Guimarães (PT-MG). O texto do petista previa a prorrogação para 1º de janeiro de 2015.

Saiba mais sobre as alterações no link abaixo.
http://www.fruet.com.br/noticia.php?idnoticia=1374
________________________________________________________________________________________________________________________________
Baixa execução revela má gestão na Infraero

A lentidão na liberação de recursos para solucionar a falta de estrutura do setor aéreo reflete a má gestão da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero). A avaliação é do deputado Gustavo Fruet (PSDB-PR), com base na baixa execução orçamentária da estatal, que é responsável por 67 aeroportos.
Segundo a ONG Contas Abertas, do orçamento anual de R$ 1,6 bilhão, a Infraero desembolsou até outubro apenas R$ 358 milhões – ou seja, menos de um terço do programado.
Para Fruet, a Infraero trabalha no limite. “O que os dados mostram é a crônica da má gestão. Nesse ritmo é difícil acreditar que os aeroportos não estarão sujeitos a alguma crise e que essa estrutura ficará pronta para receber a Copa de 2014”, avalia.

Veja mais dados sobre a má gestão da Infraero no link abaixo.
http://www.fruet.com.br/noticia.php?idnoticia=1375

Nenhum comentário:

FIQUE BEM INFORMADO.

Leia mais: Hoje é dia de que? Datas comemorativas • A arte da vida. Apon HP. Literatura para pensar e sentir http://www.aponarte.com.br/p/hoje-e-dia-de-que-e-amanha_09.html