quarta-feira, 19 de outubro de 2011

PARECE MAS NÃO É...


 Parece piada,mas seria assim mesmo, ou receberia asilo político.
1.    Os advogados dele teriam que estar presentes na hora da prisão para garantir seus direitos;
2.
    Todas as escutas seriam consideradas ilegais por não terem autorização de um juiz;
3.
    Os policias e militares seriam acusados de “abuso de poder”;
4.
    Em três dias teria um “Habeas Corpus” decretado por irregularidade nas investigações;
5.
    Por ser réu primário, não possuir outra condenação, ter nível superior e endereço fixo, seria logo posto em liberdade;
6.
    Por possuir “livre direito de ir e vir” seria liberado para visitas à Meca;
7.
    Pelo direito de “ampla defesa” alocaria milhares de testemunhas a seu favor;
8.
    O processo levaria uma década com ele em “liberdade provisória”;
9.
    Condenado a pena máxima de 35 anos, cumpriria 1/6 como manda a lei;
10.
Durante o cumprimento da pena de cerca de cinco anos, poderia receber visitas das suas cinco esposas e seria liberado para sair nos feriados, inclusive no Natal (!);
11.
Depois de alguns meses preso, um Juiz decretaria que a prisão dele é ilegal por não constar Terrorismo no nosso Código Penal;
12.
E por último, para não manchar a imagem do Brasil junto ao mundo, ele sofreria a terrível punição de doar 10 cestas básicas para as Obras Assistenciais de Irmã Dulce.

Pronto: Justiça feita como mandam nossas leis!

Nenhum comentário:

FIQUE BEM INFORMADO.

Leia mais: Hoje é dia de que? Datas comemorativas • A arte da vida. Apon HP. Literatura para pensar e sentir http://www.aponarte.com.br/p/hoje-e-dia-de-que-e-amanha_09.html