segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

SOBRE O RÁDIO

Ubiratan Lustosa.
A radiofonia me fascina desde a infância. Eu acredito no Rádio e no seu extraordinário poder.
Inquirido por meu amigo Paulo Branco, radialista veterano e grande batalhador, sobre o futuro do Rádio, eu dei a minha opinião (anos atrás):
"- Apesar da ação nefasta de alguns radiodifusores, estou certo de que o Rádio sobreviverá. Em tempo hão de compreender que ao Rádio são imperiosas as características locais, nas notícias, nas informações, na linguagem, nas gírias, no sotaque, no gosto popular. Quando isso acontecer, e em algumas emissoras está acontecendo, a audiência aumentará e o apoio comercial será mais expressivo.
O Rádio é um poderoso veículo de comunicação, instrui e diverte, faz opinião pública, cria o interesse pelas compras incentivando as vendas de bens e produtos, é uma apreciada companhia de todas as horas e em todos os locais.
O Rádio é como um tipo especial de mutante, adapta-se às evoluções técnicas e se transforma sem perder, no entanto, as suas características primordiais.
Eu acredito no Rádio e sei que há radialistas talentosos que preservam a sua finalidade de educar divertindo e divertir educando. Eles nos dão a segurança da continuidade”.
Trecho do livro “O RÁDIO DO PARANÁ – FRAGMENTOS DE SUA HISTÓRIA” – publicado em 2009 pelo Instituto Memória Editora.
www.institutomemoria.com.br.

Nenhum comentário:

FIQUE BEM INFORMADO.

Leia mais: Hoje é dia de que? Datas comemorativas • A arte da vida. Apon HP. Literatura para pensar e sentir http://www.aponarte.com.br/p/hoje-e-dia-de-que-e-amanha_09.html