domingo, 9 de agosto de 2015

Utilidade Pública

A maioria dos curitibanos não sabe utilizar o Sistema Único de Saúde (SUS). A constatação é de uma pesquisa realizada pelo Hospital Universitário Cajuru (HUC) no primeiro trimestre de 2015, que mostrou que 81% dos usuários não sabe diferenciar as funções que cada instituição de saúde exerce no SUS. O desconhecimento sobre as possibilidades de atendimento prejudica pacientes e o próprio sistema, uma vez que algumas instituições ficam congestionadas porque absorvem demandas de outras unidades.

De acordo com a pesquisa, uma das situações mais frequentes são de pacientes que, ao apresentarem dores crônicas, buscam atendimento imediato nos Prontos-Socorros de hospitais, quando o correto seria procurar uma Unidade Básica de Saúde (UBS), na qual um clínico geral encaminharia para atendimento com médico especialista.
Outro comportamento comum entre usuários do SUS é a procura por instituições de saúde mais próximas de onde residem, e não pela funcionalidade e atribuição de cada ponto de atendimento – a pesquisa apontou que 98% dos entrevistados fazem isso.
Para esclarecer as dúvidas mais comuns dos usuários do SUS, o HUC elaborou uma cartilha com instruções sobre que tipo de serviço de saúde procurar de acordo com o problema apresentado, confira alguns trechos:

SUS sem dúvidas:

Quais são os diferentes pontos de atendimento de serviços de saúde em Curitiba?

Unidade Básica de Saúde (UBS)

Também conhecidas como “postinhos de saúde”, essas unidades são responsáveis pelos cuidados contínuos; promoção de campanhas de prevenção e vacinas; atendimentos gerais para gestantes, crianças e adultos; agendamentos de consultas com especialistas – tanto em ambulatórios especializados quanto em ambulatórios de hospitais que atendem ao SUS. O SUS em Curitiba conta com 109 UBS.

Unidade de Pronto Atendimento (UPA)

As UPAs oferecem assistência 24 horas por dia para casos clínicos de urgência e emergência – como pedras nos rins, dificuldades respiratórias, convulsões, dor abdominal e no peito, entre outros. Curitiba possui nove unidades desse tipo nos seguintes bairros: Fazendinha, Alto da Glória, CIC, Pinheirinho, Campo Comprido, Boa Vista, Cajuru, Boqueirão e Sítio Cercado.

Prontos-Socorros

Unidades destinadas à assistência a pacientes com ou sem risco de vida, cujos agravos necessitam de atendimento imediato. Pode ou não ter internação. Todos os hospitais com pronto-socorro ou pronto-atendimento devem contar com a classificação internacional de Manchester para determinar o risco da situação do paciente. Quem recebe uma classificação “vermelha” não fica na fila e vai direto para atendimento, caso de pessoas com parada cardiorrespiratória ou inconscientes.

Em casos de emergência, quem devo chamar?

A pesquisa encomendada pelo HUC revelou que 75% dos entrevistados desconhece números de atendimento do SAMU ou SIATE e não sabe para quem pedir ajuda em situações de urgência ou emergência.
Em casos de urgência, deve-se acionar o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) ou o Sistema Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (SIATE). São eles os canais pré-hospitalares responsáveis pelo encaminhamento dos pacientes para a instituição de saúde mais adequada.

SAMU

Acionado pelo número 192, realiza os primeiros atendimentos de urgência e emergência e transporta o paciente para a unidade de saúde. Durante o trajeto, orienta a equipe do hospital que irá receber o paciente.
Chame o SAMU para casos de complicações respiratórias e cardíacas, queimaduras graves, crise de hipertensão, intoxicações graves, trabalhos de parto e convulsão.

SIATE

Acionado pelo número 193, presta atendimento de urgência e emergência para vítimas de traumas, como acidentes de trânsito e violência. É um serviço vinculado a Central de Operações do Corpo de Bombeiros.
Chame o SIATE para socorrer vítimas de acidentes de trânsito, casos de afogamento, de ataques de animais, choques, quedas e ferimentos provocados por arma de fogo ou branca.

Como faço para marcar consulta médica?

O paciente que necessitar de consulta médica com especialista deve procurar a Unidade Básica de Saúde mais perto de sua casa. Lá, será avaliado e encaminhado para os serviços que ofertem o atendimento especializado indicado.

Nenhum comentário:

FIQUE BEM INFORMADO.

Leia mais: Hoje é dia de que? Datas comemorativas • A arte da vida. Apon HP. Literatura para pensar e sentir http://www.aponarte.com.br/p/hoje-e-dia-de-que-e-amanha_09.html