terça-feira, 31 de maio de 2016

Conquista do paraiso

quarta-feira, 25 de maio de 2016

Corpus Christi não é feriado nacional !

Corpus Christi não é feriado nacional, tendo sido classificado pelo governo federal como ponto facultativo. Isso significa que a entidade patronal é que define se os funcionários trabalham ou não nesse dia, não sendo obrigados a dar-lhes o dia de folga.
Durante esta festa são celebradas missas festivas e as ruas são enfeitadas para a passagem da procissão onde é conduzido geralmente pelo Bispo, ou pelo pároco da Igreja, o Santíssimo Sacramento que é acompanhada por multidões de fiéis em cada cidade brasileira.
A tradição de enfeitar as ruas começou pela cidade de Ouro Preto em Minas Gerais. A procissão pelas vias públicas, é uma recomendação do Código de Direito Canônico que determina ao Bispo Diocesano que tome as providências para que ocorra toda a celebração, para testemunhar a adoração e veneração para com a Santíssima Eucaristia.

Origem do Corpus Christi

A festa do Corpus Christi foi instituída pelo Papa Urbano IV no dia 8 de Setembro de 1264.
A procissão de Corpus Christi lembra a caminhada do povo de Deus, peregrino, em busca da Terra Prometida. O Antigo Testamento diz que o povo peregrino foi alimentado com maná, no deserto. Com a instituição da eucaristia o povo é alimentado com o próprio corpo de Cristo.

terça-feira, 24 de maio de 2016

Robótica na medicina!

As cirurgias cardíacas, retiradas de tumores de cabeça e pescoço e, principalmente, a extração total ou parcial da próstata (prostatectomia) são as cirurgias mais frequentes que utilizam robôs no Brasil.
A Cirurgia Robótica disponível para o tratamento de diversas patologias, pode beneficiar pacientes na diminuição da dor e do desconforto no pós-operatório, na diminuição de perdas sanguíneas durante o procedimento, no menor tempo de permanência no hospital e ainda oferece a oportunidade de retorno mais rápido às suas atividades diárias.
A tecnologia une o comando robótico à laparoscopia, um procedimento minimamente invasivo. São feitas incisões de oito milímetros para introduzir os “braços” do Robô Da Vinci (Vinci Surgical System) e para levar uma microcâmera e instrumentos como bisturi, tesoura, afastador e pinça (que varia de tamanho) ao local da cirurgia. O instrumento é introduzido por meio de um tubo, chamado “trocar”.
De acordo com o presidente da Associação Brasileira de Endometriose e Ginecologia Minimamente Invasiva (SBE), Maurício Simões Abrão, nas cirurgias para endometriose, com o uso do robô a tendência é fazer apenas uma incisão (de cerca de 20 milímetros) para introdução dos instrumentos. “Com isso, se consegue a articulação de várias pinças com apenas um corte”, explica.
Procedimentos feitos por meio de orifícios naturais do corpo – chamado de notes –, também são possíveis com o Da Vinci, e são ainda menos invasivos que a laparoscopia. “Uma cirurgia de retirada de vesícula pela vagina, por exemplo, não causa dor pós-operatória e deixa o paciente pronto para fazer atividades físicas em poucos dias”, diz o cirurgião e professor adjunto da Universidade de Strasburgo (França), Ricardo Zorron.
Embora sejam caros, os robôs cortam outros gastos: com pacientes se recuperando mais rápido, diminui a ocupação de leitos dos hospitais e o paciente corre menos risco de sofrer infecções, avalia o médico brasileiro Chao Lung Wen, coordenador do Núcleo de Telemedicina e Telessaúde do Hospital das Clínicas da USP e membro do Comitê Executivo de Telemedicina e Telessaúde do Ministério da Saúde. “E, sempre que uma tecnologia torna o trabalho mais confortável e barato, ela tem tudo para ficar”, diz Chao.
Enquanto isso, robôs ganham os corredores de hospitais. Eles já são usados para carregar roupas e equipamentos nos países desenvolvidos, mas começa a surgir agora uma nova geração, que interage com os pacientes. Eles serão úteis não só nos hospitais como também nas casas, para cuidar de pessoas idosas e doentes. O governo japonês iniciou em 2009 um megaprojeto de pesquisa nessa área.
Algumas das VANTAGENS da cirurgia robótica são: precisão, redução das incisões, diminuição da perda de sangue e diminuição do tempo de cura e cicatrização. Além disso, o robô normalmente permite uma melhor manipulação e uma magnificação dos movimentos tridimensionalmente, melhorando a ergonomia. Também é reportado uma diminuição da dor, redução da necessidade de transfusão de sangue e do uso de medicamentos analgésicos.
As DESVANTAGENS da cirurgia realizada com tecnologia robótica, além do alto custo, não oferece a sensação tátil para o cirurgião. “Você não consegue pegar o tecido e saber o que ocorre. Por outro lado, tem a visão ampliada e melhorada, que compensa esta perda”, diz o gerente médico do Centro Cirúrgico do Hospital Sírio-Libanês e cirurgião de cabeça e pescoço do Hospital das Clínicas de São Paulo, Sérgio Samir Arap. Ele ressalta que a indicação de uma cirurgia com o Da Vinci deve ser bem analisada pelo médico e o paciente. “Em casos de tumores de fácil acesso, não traz nenhuma vantagem. Em tumores que atingem os ossos, o robô também não tem força suficiente para cortá-los, e ele vai mais atrapalhar do que ajudar. A avaliação deve ser cautelosa.”
Para várias especialidades médicas, não estudar robótica vai significar não fazer cirurgia. “Até porque o bom cirurgião não será mais avaliado pela sua capacidade de fazer cortes precisos, já que nem o mais exímio deles poderá fazer incisões mais hábeis do que qualquer máquina, mas, sim, pela sua capacidade de diagnosticar mais rapidamente o problema do paciente e coordenar bem o processo cirúrgico”, diz Alex Nason, do Johns Hopkins Hospital, nos EUA.

segunda-feira, 23 de maio de 2016

TEMPO EM CURITIBA






SegundaTerçaQuartaQuintaSextaSábado
23 MAIO24 MAIO25 MAIO26 MAIO27 MAIO28 MAIO
17°17°18°19°16°17°
10°10°10°12°10°
38 km/h43 km/h32 km/h18 km/h20 km/h19 km/h

quinta-feira, 19 de maio de 2016

CAMPANHA DO AGASALHO!




Embora as temperaturas estão atípicas neste início de outono,  climatologistas afirmam que o inverno será rigorosos em 2016. Para se preparar para as baixas temperaturas que estão por vir, roupas e cobertores são sempre bem-vindos, ainda mais aquecidos pelo ato de solidariedade.
Para trazer aconchego e calor a quem precisa, o Sistema Fecomércio Sesc Senac PR junto a seus 61 sindicatos filiados se une ao Instituto GRPCOM e a RPC na realização da 8ª edição da Campanha do Agasalho. Com o tema “Onde há calor há mais vida”, a iniciativa também é uma parceria com o Exército Brasileiro e recebe apoio do jornal Gazeta do Povo.
A ação acontece entre o dia 20 de abril e o dia 12 de agosto em 32 cidades do estado. Postos de arrecadação estão localizados em unidades de serviço do Sesc e do Senac, além de pontos disponibilizados  em condomínios pelo Secovi-PR em Cascavel, Curitiba, Londrina e  Maringá.
Com o objetivo de arrecadar roupas, calçados e cobertores em bom estado, a campanha beneficia instituições sociais do Paraná. Só no ano passado, 352.824 peças foram arrecadadas e 331 instituições sociais atendidas.

domingo, 15 de maio de 2016

0s gatos sentem frio!


Os gatos apresentam determinados tipos de comportamento diferentes em relação aos cães. Alguns deles estão relacionados a ideia de independência, onde geralmente as pessoas acabam ficando menos preocupadas pois acreditam que o felino encontra uma solução mais facilmente para alguns problemas. Outras pessoas acabam deixando de lado alguns cuidados básicos com estes animais em determinadas condições climáticas, como os dias mais frios por exemplo.
Gatos também sentem frio?
Apesar dos gatos muitas vezes não demonstrarem tanto quanto os cães quando estão sentindo frio, os felinos também sofrem e muito com as baixas temperaturas. Mesmo que eles continuem sentindo vontade de sair para a rua durante a noite, eles precisam de determinados cuidados. Caso contrário, uma série de doenças e problemas poderão acabar acontecendo com o seu felino durante o inverno.

Saídas limitadas

Os donos podem cuidar ou pelo menos tentar administrar melhor as saídas dos felinos durante o inverno. Caso seja um animal castrado, que acaba tendo menos necessidade de sair para a rua, talvez uma alternativa mais interessante seria realmente impedir que ele saísse de dentro de casa depois de uma determinada hora.
Mas caso o gato precise sair para a rua, tente manter o felino o mais dentro de casa possível, controlando o tempo que ele fica do lado de fora.

Paiquimbu

Na Rádio Itaí de Porto Alegre havia uma locutor esportivo chamado Celestino Valenzuela. Certa vez o Valenzuela estava narrando do Olímpico uma partida de futebol, quando o plantão entrou no ar e chamou: - Alô Valenzuala ..., e na afobação de locutor novato informou que no PAIQUIMBU, em vez de Pacaembu... Quando terminou sua informação o narrador disse: - "Oba! Temos um novo pai de santo, o Paiquimbu".

Quero deixar claro que não vou ficar sempre falando em gaúchos e gauchismos, por que já sou paranaense. Apenas estou contando a parte inicial na minha profissão que foi proveitosa e muito me ensinou, mas já tenho mais tempo de carteira no Paraná do que no Rio Grande do Sul. Tenho inúmeras passagens, gafes, acontecimentos importantes, como também não vou falar, desculpe, escrever somente sobre minha pessoa. Tem que ter muita calma nessa hora, como diria o Juvenal Antena.

sexta-feira, 13 de maio de 2016

Previsão do tempo Curitiba - PR
Quinta 12 Maio 2016
17° C 12° C 29 km/h
SextaSábadoDomingoSegundaTerçaQuarta
13 MAIO14 MAIO15 MAIO16 MAIO17 MAIO18 MAIO
17°19°22°19°22°14°
12°11°12°15°11°
29 km/h31 km/h30 km/h45 km/h26 km/h25 km/h

quarta-feira, 11 de maio de 2016

Brasileiro dorme mal!

Um estudo realizado pelo Instituto de Pesquisa e Orientação da Mente (IPOM) descobriu que 69% dos brasileiros avaliam seu próprio sono como ruim e insatisfatório. Os resultados foram publicados dia 22 de janeiro no site da organização.

Para chegar aos resultados, a pesquisa consultou cerca de dois mil brasileiros com idades entre 20 e 60 anos. Desse percentual de pessoas que não dorme bem, 82% afirmam sentir cansaço, sonolência e queda de rendimento em suas atividades durante o dia posterior à noite mal dormida. Outros 25% confirmam que têm dificuldade em pegar no sono, enquanto 18% dizem não conseguir mantê-lo durante toda a noite - despertam e não voltam a dormir. Já 36% declaram que acordam e voltam a dormir várias vezes.

A pesquisa do IPOM também constatou quais são os principais problemas que vem tirando o sono do brasileiro. Preocupações com problemas familiares e financeiros (50%), estresse (40%) e dificuldade de se desligar dos estímulos eletrônicos (28%), como televisão, celular e internet estão no topo das razões para problemas no sono.

Segundo Myriam Durante, psicoterapeuta holística e presidente do IPOM, o estudo também chama a atenção para o fato das noites mal dormidas estarem se tornando um problema crônico do brasileiro. "Há cinco anos, apenas 55% dos brasileiros declaravam ter problemas relacionados ao sonho", diz. "Hoje, esse percentual cresceu 14%, assim como a média de noites mal dormidas que passaram de duas ou três por semana para quatro e cinco, fator que pode causar grandes prejuízos para a saúde", afirma Myriam.

Oito benefícios que o sono traz para a sua saúde
O sono tem diversas funções essenciais para o nosso organismo. Dormir menos que o recomendado (6 a 8 horas em média) ou acordar diversas vezes durante a noite em decorrência de estresse e preocupação pode causar mais malefícios ao organismo do que imaginamos. A neurologista Rosa Hasan, responsável pelo Laboratório do Sono do Hospital São Luiz, explica que o sono de qualidade ruim desorganiza o metabolismo e prejudica a síntese de alguns hormônios, favorecendo diversas doenças como obesidade e depressão. Listamos todos os benefícios que você perde e como sua saúde sofre ao ter uma noite mal dormida. Confira: 

Previne a obesidade

Durante o sono nosso organismo produz a leptina, um hormônio capaz de controlar a sensação de saciedade - portanto, pessoas que tem dificuldades para dormir produzem menores quantidades desta substância. "A consequência disso é ingestão exagerada de calorias durante o dia, pois o corpo não se sente satisfeito", explica a neurologista Rosa Hasan. Além disso, o grupo dos insones produzem uma maior quantidade de um outro hormônio, a grelina, uma substância que está relacionada a fome e a redução do gasto de energia.

Outro fator é importante é a perda de gorduras - segundo um estudo feito na Universidade de Chicago, pessoas que dormem de seis a oito horas por dia queimam mais gorduras do que aquelas que dormem pouco ou tem o sono fragmentado. De acordo com o estudo, dormir pouco reduz em 55% a perda de gordura.

segunda-feira, 9 de maio de 2016

Termos “sonoplasta” x “operador de som” x “técnico de áudio” x “mesário”

Um amigo encrencou que quem cuida de som nas igrejas não é "sonoplasta". Mandou-me a seguinte mensagem:
"O termo SONOPLASTA, de SONOPLASTIA, não é ideal para dar nome ao infeliz que fica em uma mesa de som. Sonoplasta é aquele cara que põe efeitos sonoros em teatro,  filmes, programas de tv, etc. Acho que o melhor termo a ser usado é Operador de Áudio".
Ele está corretíssimo. Sei o significado do termo Sonoplasta a mais de 15 anos. Na verdade, aprendi no filme "Um tiro na noite" (1981), filme em que Jhon Travolta faz um sonoplasta que se envolve em um assassinato, através de um tiro que foi captado por seu microfone. A melhor definição de sonoplasta seria "artista plástico do áudio", e ele faz exatamente o que você falou.
Existe muita dúvida sobre qual o nome para definir quem opera o sistema de som. Nas igrejas, chamam de tudo: "sonoplasta", "peazeiro", "operador de áudio", "mesário", "técnico de som", "menino do som", e por aí vai.
Então, para esclarecer, vamos definir cada uma, até encontrar o melhor termo.
– "sonoplasta" deve ser usado para quem trabalha com áudio de teatro, cinema ou televisão, editando as trilhas sonoras de filmes ou programas, inserindo efeitos especiais, etc;
– "operador de som", "operador de sonorização" ou "operador de áudio" para quem trabalha cuidando da operação de um sistema de equipamentos de som, inclusive nas igrejas. Esse é o melhor termo.
– "técnico de som", "técnico de sonorização" ou "técnico de áudio" para quem, além de trabalhar cuidando de sistemas de sonorização, também faz manutenções nesse sistema (soldas, conserto de equipamentos, pequenos projetos, etc). Muitas vezes é usado como sinônimo de "Operador", mas na verdade o técnico faz mais que o operador.
– "peazeiro" é o nome popular para o operador/técnico de som que trabalha com grandes sistemas de áudio, grandes eventos. É um termo mais adequado para profissionais, para quem ganha dinheiro com isso. 
– "mesário" é quem cuida de mesa. É um termo usado apenas para os chefes das seções eleitorais (época de votação). Quem cuida de uma seção eleitoral são os mesários, cuidam das mesas de votação.  Não deve ser usado para áudio.
– "menino do som". A explicação é óbvia, mas até que eu, do alto dos meus 33 anos, barrigudo e perdendo muito cabelo, não me importo de ser chamado assim.
É melhor para todos (isto inclui o autor deste artigo, que anda escrevendo muito "sonoplasta", mas prometo me corrigir) passarmos a usar os termos corretos, principalmente para não passarmos vergonha diante de profissionais, em cursos ou em lojas. 
Mas a melhor definição mesmo foi a do meu amigo: "o infeliz que fica em uma mesa de som". Lá na igreja dele as coisas devem ser bem difíceis.

2 Comments on "Termos “sonoplasta” x “operador de som” x “técnico de áudio” x “mesário”"

  1. chiatada não falaram do Creuzebek “Atenção,
    Creuzebek;
    Creuzebek meu filho, vamos lá que vai começar a baixaria”
  2. “Atenção, Creuzebek; Creuzebek meu filho, vamos lá que vai começar a baixaria”
    faltou falar do Creuzebe

Leave a comment

Your email address will not be published.

*

sábado, 7 de maio de 2016

Homenagem às mães

Mãe, amor sincero sem exagero.
Maior que o teu amor, só o amor de Deus...
És uma árvore fecunda, que germina um novo ser.
Teus filhos, mais que frutos, são parte de você...

És capaz de doar a própria vida para salva-los.
E muito não te valorizam...
Quando crescem, de te esquecem.
São poucos, os que reconhecem...

Mas, Deus nunca lhe esquecerá.
E abençoará tudo que fizerdes aos seus...
Peço ao Pai Criador que abençoe você.
Um filho precisa ver o risco que é ser mãe...
Tudo é cirurgia, mas ela aceita com alegria.
O filho que vai nascer...

Obrigado é muito pouco, presente não é tudo.
Mas, o reconhecimento, isso! Sim, é pra valer...
Meus sinceros agradecimentos por este momento.
Maio, mês referente às mães, embora é bom lembrar...
Dia das mães, que alegria é todo dia.

quinta-feira, 5 de maio de 2016

DIA DAS MÃES!

Origem

A mais antiga comemoração do dia das mães é mitológica. Na Grécia antiga, a entrada da primavera era festejada em honra de Rhea, a Mãe dos Deuses. A Enciclopédia Britânica diz: "Uma festividade derivada do costume de adorar a mãe, na antiga Grécia. A adoração formal da mãe, com cerimônias para Cibele ou Rhea, a Grande Mãe dos Deuses, era realizada nos idos de março, em toda a Ásia Menor." [1] [2]
Nos Estados Unidos, as primeiras sugestões em prol da criação de uma data para a celebração das mães foi dada pela ativista Ann Maria Reeves Jarvis, que fundou em 1858 os Mothers Days Works Clubs com o objetivo de diminuir a mortalidade de crianças em famílias de trabalhadores. Jarvis organizou em 1865 o Mother's Friendship Days (dias de amizade para as mães) para melhorar as condições dos feridos na Guerra de Secessão que assolou os Estados Unidos no período. Em 1870 a escritora Julia Ward Howe (autora de O Hino de Batalha da República) publicou o manifesto Mother's Day Proclamation, pedindo paz e desarmamento depois da Guerra de Secessão.[3] [4]

Popularização

Dia das Mães nos Países Baixos em 1925
Reconhecida como idealizadora do Dia das Mães na sua forma atual é a filha de Ann Maria Reeves Jarvis, a metodista Anna Jarvis, que em 12 de maio de 1907, dois anos após a morte de sua mãe, criou um memorial à sua mãe e iniciou uma campanha para que o Dia das Mães fosse um feriado reconhecido. Ela obteve sucesso ao torná-lo reconhecido nos Estados Unidos em 8 de maio de 1914, quando a resolução Joint Resolution Designating the Second Sunday in May as Mother's Day foi aprovada pelo Congresso dos Estados Unidos, instalando o segundo domingo do mês de maio como Dia das Mães. No âmbito desta resolução o Presidente dos Estados Unidos Thomas Woodrow Wilson proclamou no dia seguinte que no Dia das Mães os edifícios públicos devem ser decorados com bandeiras. Assim, o Dia das Mães foi celebrado pela primeira vez em 9 de maio de 1914.[5] [6]
Com a crescente difusão e comercialização do Dia das Mães Anna Jarvis afastou-se do movimento, lamentou a criação e lutou para a abolição do feriado.[7]

Países lusófonos

No Brasil, em 1932, o então presidente Getúlio Vargas, a pedido das feministas da Federação Brasileira pelo Progresso Feminino, oficializou a data no segundo domingo de maio. A iniciativa fazia parte da estratégia das feministas de valorizar a importancia das mulheres na sociedade, animadas com as perspectivas que se abriram a partir da conquista do direito de votar, em fevereiro do mesmo ano. Em 1947, Dom Jaime de Barros Câmara, Cardeal-Arcebispo do Rio de Janeiro, determinou que essa data fizesse parte também no calendário oficial da Igreja Católica.[8]
Em Portugal, o Dia da Mãe é comemorado no primeiro domingo de Maio, seguindo a tradição da Igreja Católica que neste mês celebra Santa Maria, Mãe de Jesus (em particular Nossa Senhora de Fátima), embora durante muitos anos tivesse sido comemorado no dia 8 de Dezembro, dia da Nossa Senhora da Conceição.[9]

Importância econômica

Bolo decorado com a inscrição Happy Mother's Day, Feliz Dia da Mãe, em português.
No Brasil e nos Estados Unidos o Dia das Mães é a segunda melhor data do comércio, depois do Natal.[10] [11] A National Retail Federation (Federação Nacional de Varejo norte-americana) estimou para 2012 que os gastos para o Dia das Mães devem ultrapassar $18.6 bilhões ($152 por pessoa) nos Estados Unidos.[12]

segunda-feira, 2 de maio de 2016

NOVO APLICATIVO


 Um novo aplicativo para celular em processo de implantação no país permitirá ao usuário suspender temporariamente os cartões de crédito, débito e pré-pagos para as transações no comércio eletrônico, lojas e shoppings.
O objetivo é evitar fraudes potenciais e dar mais segurança para consumidores e lojistas.
A suspensão temporária dos cartões será feita por meio de uma chave do tipo liga-desliga no celular, em que o usuário habilita o cartão por alguns minutos, efetua um determinado pagamento e logo depois desativa o uso.
Se os dados de um pagamento forem capturados, por exemplo, por um hacker, não poderão ser usados se o cartão estiver desligado. É o que ocorre quando o banco envia um cartão novo ao cliente: ele não funciona até o usuário habilitá-lo. No caso, a habilitação ocorre pelo aplicativo.
Chamado GogoNogo, o aplicativo foi desenvolvido pela start-up americana First Performance Global, do Vale do Silício, que tem entre os principais sócios a Mastercard. Além de Brasil e EUA, o aplicativo está sendo implantado na Austrália, Japão e Nigéria. No país africano, o uso se tornou exigência dos reguladores locais para evitar fraude na internet, segundo a First Performance.
PREJUÍZO
Toda vez que ocorrer um pagamento, o usuário do cartão receberá um alerta com os detalhes da transação.
No Brasil, as fraudes nas transações presenciais, com senha, nos pontos de venda caíram em mais de 90% após os bancos implantarem os cartões com chip e enviarem mensagem de texto com alerta após cada operação.
A maioria dos problemas hoje ocorre nas compras on-line: estima-se que até 30% das tentativas são fraudes.
Quando isso acontece, o lojista assume o prejuízo se o portador do cartão não reconhecer a transação.
Para reduzir perdas, o varejo on-line têm estimulado os clientes a usarem os aplicativos de carteiras virtuais, que têm as informações de pagamento criptografadas.
Para a advogada Maria Inês Dolci, coordenadora institucional da ProTeste, os aplicativos para aumentar a segurança dos cartões são bem-vindos. No entanto, afirma ela, não podem transferir ao consumidor o risco de eventuais fraudes. "Os avanços tecnológicos não podem transferir o ônus da fraude para o consumidor", disse.
EXPANSÃO
Por enquanto, só o Bradesco oferece o serviço no Brasil e apenas para os cartões da Casas Bahia.
A novidade deve ser liberada nas próximas semanas para outras redes varejistas.
No caso da Casas Bahia, o GogoNogo foi customizado para funcionar apenas para o comércio eletrônico.
O aplicativo já foi baixado por mais de 100 mil usuários, segundo Reginaldo Zero, presidente da First Performance no Brasil.
"A receptividade surpreendeu e vamos expandir para outros varejistas", disse.


 

 


FIQUE BEM INFORMADO.

Leia mais: Hoje é dia de que? Datas comemorativas • A arte da vida. Apon HP. Literatura para pensar e sentir http://www.aponarte.com.br/p/hoje-e-dia-de-que-e-amanha_09.html