quinta-feira, 16 de junho de 2016

MEMÓRIA CURITIBANA.
NOTICIÁRIOS.
Ubiratan Lustosa.
“A notícia através do Rádio sempre foi de extrema importância. Durante a Segunda Guerra Mundial, nosso povo ansiava por informações sobre as batalhas que eram travadas. No Paraná, com tantos imigrantes oriundos dos países em luta, esse interesse pelas notícias era ampliado. A Rádio Clube Paranaense passou a apresentar edições extraordinárias, dia e noite. Estabelecendo um convênio com o jornal Gazeta do Povo, a Bedois recebia as notícias de última hora e as transmitia imediatamente. Na Rua XV de Novembro, a mais movimentada via de Curitiba naquela época, a emissora colocou alto-falantes para que os transeuntes ouvissem as notícias. Naquele tempo ainda não havia rádio de pilha.”
(***)

“Outra passagem marcante ocorreu no auge da campanha "Diretas já".
No dia da votação no Congresso Nacional, ainda sob os resquícios do regime militar, apenas nove emissoras do Brasil conseguiram autorização para transmitir diretamente do plenário. Uma delas foi a Bedois. A orientação era de que os locutores fornecessem as informações para os ouvintes, mas não fossem transmitidos os discursos. Nosso locutor José Maria Pizarro, astutamente, fazia pausas em sua narração deixando que se ouvissem trechos dos inflamados pronunciamentos dos parlamentares com críticas acerbas ao regime que chegava ao fim. Não demorou muito, recebi um telefonema do DENTEL e fui advertido das punições que a emissora poderia receber. Tivemos que maneirar.
E assim foi em todas as grandes ocorrências que marcaram a História nacional durante toda a existência da Rádio Clube Paranaense. A emissora sempre esteve presente, pois sempre havia um locutor noticiarista pronto a narrar os fatos.”
Foto: José Maria Pizarro foi valor exponencial dos noticiários da Bedois. Grande voz, timbre excelente, ótima interpretação.
Excertos do livro O RÁDIO DO PARANÁ – FRAGMENTOS DE SUA HISTÓRIA.
Instituto Memória Editora.

Nenhum comentário:

FIQUE BEM INFORMADO.

Leia mais: Hoje é dia de que? Datas comemorativas • A arte da vida. Apon HP. Literatura para pensar e sentir http://www.aponarte.com.br/p/hoje-e-dia-de-que-e-amanha_09.html