quarta-feira, 28 de setembro de 2016

É isso aí !




Joao Carlos Maciel compartilhou 

terça-feira, 27 de setembro de 2016

Obrigado pelo compartilhamento,amigo Bira!


DIA DO IDOSO
Ubiratan Lustosa
Se você olhar para uma velha árvore, já exaurida, sem a folhagem exuberante de outrora, há de contemplá-la com respeito em louvor de outros tempos em que ela prodigamente deu seus frutos, ofereceu conforto a quem na sua sombra amiga procurou descanso, foi agasalho protetor a tantas aves indefesas que na sua ramaria buscaram abrigo, tempos em que adornou a natureza com o vigor do seu tronco e a sinfonia verde da sua folhagem.
Sim, você há de respeitar a velha árvore, tão amiga, tão útil, exemplo de doação, sinônimo de vida.

Se você olhar para uma pessoa idosa, já marcada pelas lutas da vida, curvada ao peso de tantos encargos, sem ter mais nos olhos aquele brilho da juventude e na face a beleza exuberante de outrora, há de contemplá-la com respeito, em louvor de outros tempos em que ela prodigalizou os seus talentos e virtudes, foi sombra amiga para tantos que em seus braços buscaram consolo, tempos em que amou, sonhou, trabalhou e produziu, acolheu protegendo e ensinou orientando, sempre dando muito de si.
Sim, certamente você respeitará a pessoa idosa, tão sofrida, tão dedicada, exemplo de amparo, sinônimo de entrega.

A velha árvore e a pessoa idosa muito se assemelham em termos de passado, muito se parecem no cumprimento do ciclo da vida.
São paralelas, desde o nascimento até a velhice.
Na parte extrema da jornada, no entanto, há uma profunda diferença.
Se a velha árvore, já sem folhas e frutos, encerra humildemente a sua existência, sem nada mais poder oferecer senão o seu tronco envelhecido, a pessoa idosa, ao contrário, ainda tem muito para dar de si. Seja em termos de experiência, de conhecimentos adquiridos, de sabedoria que a universidade da vida proporciona, ou seja em termos de atividades diversas, desde as mais especializadas tarefas aos mais simples trabalhos manuais.
Por isso, não permita, jamais, que o idoso não possa ser útil.
Aposentado do emprego, não o aposente da vida.
Aceite e incentive o seu trabalho, em conformidade com os seus conhecimentos, as suas aptidões, as suas condições de saúde.
Deixe que se usufrua o seu talento, pois a velha árvore humana até na velhice proporciona frutos.
O idoso quer participar, quer viver sendo útil, quer contribuir com o que sabe e pode.

Se para a velha árvore cantam-se hinos em louvor ao seu passado, ao ser humano envelhecido entoem-se loas também pelo seu presente, pela alegria que o seu convívio pode dar, pelos ensinamentos que transmite, pela experiência que oferece, pelas virtudes que propõe cultivar, pelo trabalho que ainda executa e pela entrega do amadurecimento encantador que só a idade traz.
O idoso quer amor e precisa de carinho, de compreensão e, acima de tudo, de respeito.
E é através desse respeito a ele devido que, com ternura, pode ser demonstrada a gratidão a quem na estrada da vida está na frente, bem mais distante, a quem já viu mais paisagens, a quem participou de mais batalhas.

Seja 27 de setembro, Dia do Ancião, Dia do Idoso, uma oportunidade de conscientização sobre os deveres da sociedade para com as pessoas de idade avançada, nas quais os encantos físicos se ocultam no corpo maltratado pelos anos vividos, mas a beleza da alma aparece muito mais.
Do livro NOSSO ENCONTRO COM UBIRATAN LUSTOSA - Crônicas
Instituto Memória Editora
http://www.institutomemoria.com.br/detalhes.asp?id=176

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

quarta-feira, 21 de setembro de 2016


DIA DO RADIALISTA
Ubiratan Lustosa

Durante muito tempo o Dia do Rádio, ou da Radiodifusão, e o Dia do Radialista foram comemorados juntamente, em 21 de Setembro que é também o Dia da Árvore. A celebração teve início em 1945, quando um decreto assinado pelo presidente Getúlio Vargas fixou os níveis mínimos de salário dos trabalhadores em empresas de radiodifusão.
Nos anos 80, por ocasião do IV Congresso Brasileiro de Radiodifusão, realizado na Bahia, os proprietários de Emissoras decidiram estabelecer uma data para comemorar em separado O Dia da Radiodifusão. Escolheram 25 de Setembro, pois nesse dia nasceu Roquette-Pinto.
Edgard Roquette-Pinto, médico, antropólogo e professor, nascido em 1.884, fundou a Rádio Sociedade do Rio de Janeiro, em 21 de abril de 1.923.
Dessa forma, passamos a comemorar em 21 de Setembro o Dia do Radialista e em 25 desse mês o Dia do Rádio, ou da Radiodifusão.

Mais recentemente, em decreto assinado pelo Presidente Lula, foi instituído no calendário de efemérides nacionais o Dia do Radialista a ser comemorado em 7 de Novembro, data de nascimento do compositor, músico e radialista Ary Barroso.
Costumes não se criam por decreto e em razão disso continuo recebendo e enviando cumprimentos na data original da qual todos os radialistas gostam: 21 de Setembro.

Na verdade, a Radiodifusão é de importância imensurável. E o homem de Rádio que leva a sério a sua profissão, que nela crê e a ela se dedica, presta um serviço de inestimável valor à coletividade e faz jus a essas comemorações.
Seja na informação precisa e imediata, seja no aviso de utilidade pública, seja no lazer proporcionado pelos programas que divertem e deleitam, seja na orientação dada, na cultura difundida, na transmissão dos eventos esportivos, seja nas mensagens de paz e amor e fraternidade, o profissional de Rádio presta um grande serviço à nação.
E não são apenas os locutores, os comentaristas, os noticiaristas, os repórteres, aqueles apresentadores que vocês ouvem, que desempenham papel importante na Radiodifusão. Há todo um exército de pessoas cujos nomes vocês nem conhecem, cuja voz vocês nunca escutam e que estão dia e noite, domingos e feriados, trabalhando para que a Emissora possa fazer suas transmissões. São os proprietários e diretores das empresas de radiodifusão, os técnicos, os operadores, o pessoal da área artística, os redatores e produtores, os integrantes do setor comercial e da administração, muita gente mais, compondo uma colmeia que não pára, que trabalha, produz e realiza, fazendo-se merecedora de admiração e respeito.

No dia 21 saudamos os radialistas. No dia 25 homenageamos os radiodifusores, os proprietários de Emissoras. É muito grande a sua luta, são enormes os investimentos necessários, não é fácil a seleção de profissionais, são preocupantes as despesas enormes que se repetem todos os meses.
Com tantos compromissos, não foram poucos os que desistiram
no
meio da jornada.
Recebam nosso abraço, heróicos radialistas e radiodifusores.
Recebam a nossa homenagem e os nossos votos de sucesso.


Do livro
"NOSSO ENCONTRO COM UBIRATAN LUSTOSA" - 2a. Edição
Instituto Memória Editora - www.institutomemoria.com.br
Mais informações:
http://www.institutomemoria.com.br/detalhes.asp?id=176

domingo, 18 de setembro de 2016



Previsão do tempo Curitiba - PR
Domingo 18 Setembro 2016
32° C 15° C 37 km/h
SegundaTerçaQuartaQuintaSextaSábado
19 SETEMBRO20 SETEMBRO21 SETEMBRO22 SETEMBRO23 SETEMBRO24 SETEMBRO
27°20°20°20°20°18°
11°10°

segunda-feira, 12 de setembro de 2016


Alguém disse...

"As coisas mais importantes da vida não são as coisas".

"Não basta ser honesto,tem que parecer honesto"


"Quem perde seus bens perde muito; quem perde um amigo perde mais; mas quem perde a coragem perde tudo".


"Onde estão enterrados os canalhas".
"Quem herda,herda.Quem não herda fica na....mesma".

 "Ate hoje ninguém descobriu o mistério do homem que fugiu pelo buraco da pia".

quinta-feira, 8 de setembro de 2016

Namoro sério deve começar até os 24 anos; saiba por quê?

publicado originalmente no www.bonde.com.br


publicado originalmente no www.bonde.com.br



A partir de 30 anos número de mulheres é bem maior que o de homens, o que aumenta a 'concorrência', segundo pesquisa feita no Paraná


Reprodução
Para encontrar sua cara-metade as mulheres precisam ficar mais flexíveis em algumas exigências
Assim como em todo país, a população feminina também é predominante no Paraná.
A diferença chega a 182 mil mulheres a mais do que homens no estado. Esse é um motivo de preocupação para quem ainda pensa em encontrar um companheiro para um relacionamento sério. "Não é novidade o fato de que a sociedade tem mais mulheres do que homens. Na verdade faz tempo que eles têm maior facilidade para encontrar uma parceira", comenta Sheila Rigler, diretora da agência curitibana Par Ideal.

Mas esta diferença não é para todas as faixas etárias. De acordo com os dados divulgados pelo Censo, entre 20 e 24 anos a população paranaense tem 2.146 homens a mais. O motivo da redução a partir dos 25 anos é o fato de que eles morrem mais novos e com mais frequência em acidentes de carro, homicídios e evitam os cuidados com a saúde, principalmente o acompanhamento médico.

A especialista em relacionamentos afirma que as mulheres devem aproveitar a faixa etária entre 20 e 24 anos - na qual a maioria está focada na carreira - para iniciar relacionamentos sérios, com os homens que nesta idade já procuram estabelecer a base de um compromisso. "Muitos homens nesta idade procuram a agência e reclamam que as mulheres não querem nada sério, querem apenas aproveitar o momento. Existem homens e mulheres com este perfil em todas as idades, o importante é lembrar que as pessoas que buscam o relacionamento sério tem a mesma aparência que aquelas que não querem e é difícil identificar isso em uma balada", brinca Sheila.

Acompanhando o perfil dos solteiros há 16 anos, dados da Par Ideal mostram que a busca por um relacionamento sério geralmente começa aos 30 anos. Nesta faixa etária, entre 30 e 34 anos, existem 15 mil mulheres a mais do que homens no Paraná. "Infelizmente, não tem o que questionar, algumas pessoas ficarão sozinhas", comenta a diretora da agência. E ela apresenta duas ações importantes para alterar este cenário. "As mulheres precisam ficar mais flexíveis em algumas exigências e aproveitar as oportunidades. Além disso, os homens precisam se cuidar mais em todos os aspectos para não se transformarem em uma espécie em extinção", explica.

Outra questão importante é deixar os preconceitos de lado. Ainda existem muitas pessoas que evitam o envolvimento com alguém divorciado. Para Sheila o compromisso com uma pessoa que saiu de uma separação deve ser observado com mais atenção. "A segunda relação tem grandes chances de dar certo, pois a pessoa está mais madura e casando porque realmente quer. Quando o casamento não é mais uma obrigação ou imposição social, o relacionamento se torna muito mais interessante", complementa Sheila. E a procura também tem aumentado. Entre os homens cadastrados na Par Ideal, 55,8% são novos solteiros, ou seja, são separados, divorciados ou viúvos, buscando um novo amor.

A partir de 30 anos número de mulheres é bem maior que o de homens, o que aumenta a 'concorrência', segundo pesquisa feita no Paraná


Reprodução
Para encontrar sua cara-metade as mulheres precisam ficar mais flexíveis em algumas exigências
Assim como em todo país, a população feminina também é predominante no Paraná.
A diferença chega a 182 mil mulheres a mais do que homens no estado. Esse é um motivo de preocupação para quem ainda pensa em encontrar um companheiro para um relacionamento sério. "Não é novidade o fato de que a sociedade tem mais mulheres do que homens. Na verdade faz tempo que eles têm maior facilidade para encontrar uma parceira", comenta Sheila Rigler, diretora da agência curitibana Par Ideal.

Mas esta diferença não é para todas as faixas etárias. De acordo com os dados divulgados pelo Censo, entre 20 e 24 anos a população paranaense tem 2.146 homens a mais. O motivo da redução a partir dos 25 anos é o fato de que eles morrem mais novos e com mais frequência em acidentes de carro, homicídios e evitam os cuidados com a saúde, principalmente o acompanhamento médico.

A especialista em relacionamentos afirma que as mulheres devem aproveitar a faixa etária entre 20 e 24 anos - na qual a maioria está focada na carreira - para iniciar relacionamentos sérios, com os homens que nesta idade já procuram estabelecer a base de um compromisso. "Muitos homens nesta idade procuram a agência e reclamam que as mulheres não querem nada sério, querem apenas aproveitar o momento. Existem homens e mulheres com este perfil em todas as idades, o importante é lembrar que as pessoas que buscam o relacionamento sério tem a mesma aparência que aquelas que não querem e é difícil identificar isso em uma balada", brinca Sheila.

Acompanhando o perfil dos solteiros há 16 anos, dados da Par Ideal mostram que a busca por um relacionamento sério geralmente começa aos 30 anos. Nesta faixa etária, entre 30 e 34 anos, existem 15 mil mulheres a mais do que homens no Paraná. "Infelizmente, não tem o que questionar, algumas pessoas ficarão sozinhas", comenta a diretora da agência. E ela apresenta duas ações importantes para alterar este cenário. "As mulheres precisam ficar mais flexíveis em algumas exigências e aproveitar as oportunidades. Além disso, os homens precisam se cuidar mais em todos os aspectos para não se transformarem em uma espécie em extinção", explica.

Outra questão importante é deixar os preconceitos de lado. Ainda existem muitas pessoas que evitam o envolvimento com alguém divorciado. Para Sheila o compromisso com uma pessoa que saiu de uma separação deve ser observado com mais atenção. "A segunda relação tem grandes chances de dar certo, pois a pessoa está mais madura e casando porque realmente quer. Quando o casamento não é mais uma obrigação ou imposição social, o relacionamento se torna muito mais interessante", complementa Sheila. E a procura também tem aumentado. Entre os homens cadastrados na Par Ideal, 55,8% são novos solteiros, ou seja, são separados, divorciados ou viúvos, buscando um novo amor.

segunda-feira, 5 de setembro de 2016

Previsão do tempo para feriados


Curitiba


  • Segunda-feira 05 set

    • Manhã Nebulosidade variável
    • Tarde Chuvas intermitentes
    • Noite Chuva com alguns raios
    • Mínima
      12°
    • Máxima
      19°
    • Vento sudeste, fraco a moderado (21 a 28 km/h)
    • Visibilidade boa
    • Terça-feira 06 set

      Instável
    • Mínima
      13°
    • Máxima
      17°
    • Quarta-feira 07 set

      Nebulosidade variável
    • Mínima
    • Máxima
      16°
    • Quinta-feira 08 set

      Poucas nuvens
    • Mínima
    • Máxima
      20°
    • Sexta-feira 09 set

      Muitas nuvens
    • Mínima
    • Máxima
      23°
Fonte: Simepar

FIQUE BEM INFORMADO.

Leia mais: Hoje é dia de que? Datas comemorativas • A arte da vida. Apon HP. Literatura para pensar e sentir http://www.aponarte.com.br/p/hoje-e-dia-de-que-e-amanha_09.html